<

África

A África é o terceiro continente mais extenso do globo e o segundo mais populoso. Possui uma elevada diversidade religiosa e linguística distribuída por 54 países independentes que são governados, em sua maioria, por governos eleitos democraticamente. A sua história é marcada pela ocupação e exploração do continente pelas potências europeias. O território africano é dividido em cinco grandes regiões:

  • África Meridional

  • África Setentrional

  • África Central

  • África Ocidental

  • África Oriental

A geografia africana é muito diversa, com a presença de tipos climáticos como o desértico e o tropical e uma vegetação caracterizada pela presença de savanas e florestas tropicas. Possui grandes rios, como o Nilo, e pontos de elevada altitude, como o Kilimanjaro.

A África apresenta um grande crescimento demográfico. Já a sua economia ainda é bastante debilitada, em razão da dependência de setores de extração mineral e de produção agrícola. Embora muita vezes confundida com um país, a África é um continente que possui diversas particularidades e apresenta muitas curiosidades sobre o modo de viver da sua população e a existência de grandes espécies de animais.

Leia também: Países emergentes – países subdesenvolvidos com potencial crescimento econômico

Dados gerais da África

  • Gentílico: africano

  • Extensão territorial: 30.221.532 km2

  • População: 1.225.080.510 habitantes

  • Densidade demográfica: 36,4 hab/km2

  • Maior país: Argélia

  • Menor país: Seicheles

  • Idiomas: árabe, inglês, francês, português, espanhol e línguas tradicionais africanas

  • Países: 54

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Regiões da África

A África é o terceiro continente mais extenso do globo. Sendo assim, ela é subdividida conforme suas características geográficas, de acordo com elementos físicos e humanos. Desse modo, suas subdivisões são:

→ África Meridional

O sul da África é formado por:

  • África do Sul

  • Angola

  • Botsuana

  • Comores

  • Lesoto

  • Madagascar

  • Malawi

  • Maurício

  • Moçambique

  • Namíbia

  • Suazilândia

  • Zâmbia

  • Zimbábue

Possui grande diversidade climática, com regiões de clima tropical, desértico e mediterrâneo. É a região onde está o país mais desenvolvido e industrializado do continente: África do Sul. A base econômica dos países da região é voltada para a agricultura assim como para a mineração. O turismo tem crescido, em especial devido aos safáris realizados nas áreas de savana.

A Cidade do Cabo é uma das principais cidades da África do Sul, país localizado na porção meridional do continente africano.
A Cidade do Cabo é uma das principais cidades da África do Sul, país localizado na porção meridional do continente africano.

→ África Setentrional

O chamado norte da África é formado pelos seguintes países:

  • Argélia

  • Egito

  • Líbia

  • Marrocos

  • Sudão

  • Sudão do Sul

  • Tunísia

É caracterizado pelo predomínio de um clima desértico, devido à presença do deserto do Saara. Essa região possui grande influência dos países da Europa e do Oriente Médio, devido à proximidade geográfica e cultural. Economicamente, os países da região possuem grande destaque na produção de petróleo e gás natural, além da agricultura, que é praticada ao longo do rio Nilo.

Veja também: O que são os biocombustíveis?

→ África Central

Formada por:

  • Chade

  • Congo

  • República Centro-Africana

  • República Democrática do Congo

É uma das regiões mais pobres da África. Apresenta um clima tropical, com a presença de altas temperaturas e pluviosidade, e vegetação de savanas. Sua base econômica é primária, com destaque para a agricultura e a exploração mineral.

→ África Ocidental

É composta por:

  • Benin

  • Burkina Faso

  • Cabo Verde

  • Camarões

  • Costa do Marfim

  • Gabão

  • Gâmbia

  • Gana

  • Guiné

  • Guiné-Bissau

  • Guiné Equatorial

  • Libéria

  • Mali

  • Mauritânia

  • Níger

  • Nigéria

  • Senegal

  • Serra Leoa

  • São Tomé e Príncipe

  • Togo

Possui um clima predominantemente equatorial, sendo a vegetação formada por florestas e savanas. Possui elevada densidade populacional na porção centrosul, em países como a Nigéria. Tem como motor econômico a agricultura, com destaque para o cultivo de café e cacau.

África Oriental

Os países do leste da África são:

  • Burundi

  • Djibuti

  • Eritreia

  • Etiópia

  • Quênia

  • Ruanda

  • Seychelles

  • Somália

  • Tanzânia

  • Uganda

Possui clima tropical e paisagem marcada por muita diversidade geográfica, com a presença de formações montanhas, rios caudalosos, lagos e, ainda, vulcões. É uma região caracterizada por conflitos étnicos e religiosos que ainda perduram, como na Somália, porém possui alguns países com um crescimento econômico destacável, como a Etiópia. A base da sua economia é formada por atividades primárias, como a agricultura e o extrativismo.

Mapa da África


Acesse também: Qual a importância dos mapas?

Países da África

PAÍS

CAPITAL

PAÍS

CAPITAL

África do Sul

Cidade do Cabo

Mali

Bamako

Angola

Luanda

Marrocos

Rabat

Argélia

Argel

Maurício

Port Louis

Benin

Porto Novo

Mauritânia

Nouakchott

Botsuana

Gaborone

Moçambique

Maputo

Burkina Faso

Ouagadougou

Namíbia

Windhoek

Burundi

Gitega

Níger

Niamey

Cabo Verde

Praia

Nigéria

Abuja

Camarões

Yaoundé

Quênia

Nairobi

Chade

N'djamena

República Centro-Africana

Bangui

Comores

Moroni

República Democrática do Congo

Kinshasa

Congo

Brazzaville

Ruanda

Kigali

Costa do Marfim

Abidjan

São Tomé e Príncipe

São Tomé

Djibuti

Djibuti

Seychelles

Vitória

Egito

Cairo

Senegal

Dacar

Eritreia

Asmara

Serra Leoa

Freetown

Etiópia

Addis Abeba

Somália

Mogadíscio

Gabão

Libreville

Suazilândia

Lobamba

Gâmbia

Banjul

Sudão

Cartum

Gana

Acra

Sudão do Sul

Juba

Guiné

Conacri

Tanzânia

Dodoma

Guiné-Bissau

Bissau

Togo

Lomé

Guiné Equatorial

Malabo

Tunísia

Túnis

Lesoto

Maseru

Uganda

Kampala

Libéria

Monróvia

Zâmbia

Lusaka

Líbia

Trípoli

Zimbábue

Harare

Madagáscar

Antananarivo

 

 

Malauí

Lilongwe

 

 

Geografia da África

A África é um continente localizado ao sul da Europa, entre a América e a Ásia. É banhado pelo oceano Atlântico e o oceano Índico, além do mar Mediterrâneo e do mar Vermelho. O continente africano é cortado pelas quatro mais importantes linhas imaginárias do planeta: os Trópicos de Câncer e Capricórnio, a Linha do Equador e o Meridiano de Greenwich. Devido a sua grande extensão e sua distribuição latitudinal, possui ampla diversidade geográfica.

O continente africano é caracterizado por formações geológicas antigas, motivo que explica a presença de grandes planícies e planaltos na região. Os pontos mais altos do relevo africano estão localizados na Cordilheira do Atlas, no norte do continente, e no Kilimanjaro, na Tanzânia.

O clima da África é marcado pela diversidade de tipos de acordo com as influências físicas de cada região do continente. Os principais tipos são:

a vegetação tem como destaque os desertos e as savanas. A África possui grandes desertos: o deserto do Saara, localizado na porção norte do continente, e o deserto do Kalahari, localizado ao sul, na Namíbia. Deve-se destacar ainda a presença de grandes florestas equatoriais e tropicais na porção central do continente. As florestas africanas são altamente dependentes do regime de chuvas da região, sendo marcadas pela influência da umidade.

As savanas são um tipo de cobertura vegetal muito como na África. Elas abrigam uma grande diversidade de animais.
As savanas são um tipo de cobertura vegetal muito como na África. Elas abrigam uma grande diversidade de animais.

A hidrografia africana é conhecida pela distribuição desigual das fontes de água ao longo do território. A maior parte dos rios encontra-se na porção central da África, região de clima úmido e com grande presença de florestas. O maior rio dessa região é o Congo. Outro rio de destaque no continente é Nilo, que possui grande importância histórica e econômica. No continente há ainda a presença de grandes lagos, em especial, na África Oriental.

Entre os principais representantes da flora africana estão os baobás e as acácias. Já em relação à fauna, muito rica e representativa, estão os leões, hipopótamos, rinocerontes, girafas, zebras e elefantes, entre outros animais, muitos deles endêmicos do continente.

História da África

A África possui uma história muito antiga. É considerada uma das regiões de ocupação mais antiga do mundo, com destaque para a porção norte do continente. Nessa região está o Egito, uma civilização muito antiga e representativa dos primórdios da história africana. Além da civilização egípcia, foram destaques no continente as civilizações da Etiópia e de Gana. Esses povos marcaram o início da construção da identidade africana por meio dos seus aspectos culturais.

Ao longo do tempo, outros povos começaram a explorar o continente africano e a realizar trocas comerciais com a população local. Os impérios da Europa e da Ásia, assim como diferentes povos que mantinham certa independência, passaram a estabelecer rotas comerciais pelo continente e realizar transações comerciais com diferentes nações africanas.

Essa relação comercial marcou o início da chegada dos europeus ao continente, os quais, pelo interesse nos recursos naturais africanos, começaram a estabelecer possessões na África. Os portugueses foram pioneiros no processo de ocupação e exploração africana, sendo logo seguidos por espanhóis, britânicos, franceses, holandeses, belgas e alemães. A chegada dos europeus ficou marcada pelo emprego da escravidão e do comércio de escravos, que eram levados para as colônias europeias fora do continente, como no caso do Brasil Colônia.

Devido à importância econômica dos bens primários existentes na África, em especial dos recursos minerais, os países europeus avançaram na ocupação territorial africana, assim como na exploração da sua população e na predação dos seus recursos naturais. A exploração de matérias-primas alimentava o mercado europeu e gerava divisas para as potências do globo, sendo que a população africana não possuía acesso aos benefícios econômicos e sociais gerados pela exploração econômica das potências europeias.

Após um longo período de ocupação, várias colônias africanas tornaram-se independentes dos países da Europa durante o século XX. No entanto, esse processo de independência foi muito turbulento, marcado por conflitos civis de cunho étnico e religioso. O principal motivo para tal é que a identidade e a prática cultural dos povos africanos não foram respeitados na demarcação das fronteiras dos países.

Sendo assim, o longo tempo de exploração influenciou diretamente nas características econômicas e sociais dos países africanos. Na atualidade, o continente ainda enfrenta grandes problemas, como a grande desigualdade social, além da alta taxa de pobreza e da baixa expectativa de vida. O desrespeito aos Direitos Humanos ainda é muito comum no continente, em especial pela existência de governos autoritários assim como pela presença de grupos extremistas e de conflitos bélicos.

Leia também: Movimentos de resistência contra os invasores europeus na África

Demografia da África

A África é o segundo continente mais populoso do globo, com mais de um bilhão de habitantes. A sua população encontra-se distribuída de maneira desigual, estando concentrada nas regiões mais úmidas e com maior disponibilidade de água. Os desertos africanos, por exemplo, são praticamente despovoados.

A população africana possui uma média de idade baixa, em razão da elevada taxa de natalidade assim como pela baixa expectativa de vida. A taxa de natalidade no continente é a maior do planeta, sendo que vários países africanos vivenciam um processo de explosão demográfica, como a Nigéria. No entanto, a população africana ainda desfruta de uma baixa qualidade de vida em razão das dificuldades econômicas do continente. A taxa de mortalidade é bastante elevada, em especial pelo grande número de surtos de doenças contagiosas que são recorrentes no continente.

Os países mais populosos da África são Nigéria, Etiópia e Egito, com mais de 100 milhões de habitantes. As maiores cidades da África também se encontram nesses países, sendo que o maior centro urbano é a capital do Egito, Cairo, seguida por Lagos, na Nigéria. Essas duas cidades são as únicas do continente que possuem mais de 10 milhões de habitantes.

Em razão da colonização europeia e da influência árabe, a África apresenta nas suas práticas culturais aspectos dessas regiões do globo. Sendo assim, as principais religiões africanas são o islamismo e o cristianismo, e, em menor número, estão as religiões tradicionais africanas. Já as línguas mais faladas são o árabe, o inglês, o francês, o português e o espanhol.

Economia da África

A África apresenta grandes dificuldades econômicas, sendo que a sua economia é considerada bastante atrasada e altamente dependente da produção e exportação de bens primários. Em relação ao setor primário, a África é uma grande produtora de recursos minerais, com destaque para o petróleo e o gás natural, assim como o ouro, o diamante, o manganês, o fosfato e o cobre.

Já a agricultura ainda é pouco desenvolvida tecnologicamente, mas com grandes produções de café e cacau, além de especiarias. O extrativismo de madeira também é um setor forte da economia africana, assim como a coleta de produtos naturais e, em menor escala, a pesca e a caça.

O setor secundário é pouco desenvolvido, bastante concentrado e caracterizado pelo baixo emprego de tecnologia e internacionalização. As indústrias de alimentos e de produtos têxteis são as mais presentes no continente, sendo que sua produção é voltada para o mercado interno. Existem algumas indústrias de base em países como África do Sul e Egito. Há ainda algumas filias de indústrias globais, que se instalam na África devido ao fácil acesso à matéria-prima e alta disponibilidade de mão de obra barata. A África do Sul é o país mais industrializado de todo o continente.

o setor terciário é marcado pelo alto nível de informalidade. O comércio informal é muito comum nos grandes centros do continente, sendo praticado em grandes feiras ao ar livre. São comercializados alimentos e roupas, além de utensílios domésticos. No mais, alguns setores terciários, como o bancário e o de telecomunicações, investem na África visando ao grande mercado interno. Por sua vez, o turismo tem apresentado um grande crescimento, sendo que as belezas naturais do continente têm atraído cada vez mais visitantes.

O comércio é umas das principais atividades econômicas praticadas pelos africanos, em especial nas feiras das grandes cidades.
O comércio é umas das principais atividades econômicas praticadas pelos africanos, em especial nas feiras das grandes cidades.

Governo da África

Em razão do processo de colonização, assim como de independência e formação dos governos nacionais, os países africanos enfrentam muitos problemas em relação aos seus governos. De maneira geral, a maior parte dos países da África possui eleições livres e diretas, ou seja, seus governos são eleitos democraticamente.

Entretanto, nos últimos anos, houve vários distúrbios em diversos países africanos, devido a disputas internas de poder, rivalidades entre grupos étnicos e desrespeito e diversidade religiosa. Além disso, vários governos da África são vistos como corruptos, assim como são comuns as denúncias de violação dos Direitos Humanos, fraudes eleitorais e perseguições políticas.

O crescimento do autoritarismo e os embates entre os diferentes grupos étnicos que compõem o cenário político do continente geram grande preocupação internacional. Na Somália, por exemplo, a atuação de grupos extremistas islâmicos impede a formação de um governo democrático. Já no caso do Sudão, disputas internas levaram à divisão do país em dois: Sudão e Sudão do Sul. No mais, são comuns embates entre governos eleitos democraticamente e seus opositores políticos, cenário que prejudica o desenvolvimento econômico e social dos países do continente.

A África é um país ou um continente?

A África é um continente! Muitas vezes, a África é vista como um território homogêneo do ponto de vista cultural, sendo apontada como um país. No entanto, na verdade, esse continente é culturalmente diverso, com muitas variedades linguísticas e religiosas.

Além disso, apresenta grande diversidade natural marcada por diferenças geográficas entre os países que compõem seu território. Na África existe um país, África do Sul, que é considerado o mais desenvolvido economicamente. Não obstante, existem no continente africano mais 53 países distribuídos ao longo de um extenso território.

Curiosidades sobre a África

  • A África é conhecida por ser o habitat de grandes espécies de animais, entre elas leões, zebras, girafas e hipopótamos.

  • O hipopótamo é considerado o animal responsável pelo maior número de mortes de pessoas no mundo.

  • Já a galinha-d’angola, outro animal de origem africana, é muito comum no Brasil, sendo frequentemente criada domesticamente nas áreas rurais do país.

  • O Brasil possui laços estreitos com a África. Devido ao processo de escravidão, muitos africanos foram traficados para o Brasil, sendo que, após a abolição, eles continuaram no país e contribuíram para a formação cultural e o desenvolvimento econômico dele.

  • O continente geograficamente mais próximo da África é a Europa. São cerca de 14 quilômetros entre a costa norte da África e o sul do continente europeu.

  • Os países europeus foram os grandes colonizadores da África. Esse fato influenciou diretamente nas práticas culturais dos africanos, como na língua. O número de falantes de francês na África é maior do que na própria França. 

Por: Mateus Campos

Artigos de África

África Branca

Leia e saiba mais sobre a África Branca, porção norte do continente africano.

África Negra

As principais características da África Negra, a região mais pobre do mundo.

Aids na África

A Aids é o principal fator de mortalidade na África. Saiba mais!

As duas Áfricas

Conheça a divisão regional do continente africano que estabelece a distinção entre as duas Áfricas.

Aspectos naturais da África

Conheça os aspectos naturais da África, que envolvem o relevo, clima, vegetação e hidrografia.

Conflitos internos na África

Clique para saber mais a respeitos das causas dos conflitos internos na África!

Continente Africano

Continente africano, Onde está localizado o Continente africano, A área ocupada pelo Continente africano, Aspectos gerais do Continente africano, A diversidade cultural do Continente africano.

Distribuição da população africana

Distribuição da população africana, Os países mais populosos do continente africano, As áreas que concentram grande parte da população da África, As áreas mais despovoadas da África, A urbanização da África.

Diversidades regionais do continente africano

Clique e saiba mais sobre as diversidades regionais do continente africano!

Rio Nilo

Saiba mais sobre as características e importância do Rio Nilo