Placas Tectônicas

As placas tectônicas são partes da crosta terrestre e elementos atuantes na composição do relevo terrestre.

De acordo com a Teoria da Tectônica de Placas, a crosta terrestre – a camada superficial sólida da Terra composta por rochas e minerais – não é contínua, mas sim “quebrada” ou fragmentada em várias partes ou “pedaços”. Essas partes são conhecidas como placas tectônicas e movimentam-se em razão da força interna exercida pelo magma presente no manto terrestre.

Para entender a movimentação das placas tectônicas, é preciso descobrir, primeiramente, porque isso acontece. O principal fator responsável, como já dissemos, é o magma, que não se movimenta aleatoriamente, mas se organiza em ciclos, os quais chamamos de células de convecção. A partir daí, o magma vai então conduzindo a movimentação dessas placas, fazendo com que o relevo seja alterado das mais diversas formas.

O principal e mais conhecido efeito das placas tectônicas sobre a superfície é a ocorrência dos terremotos. Eles manifestam-se, quase sempre, nas áreas de contato e acontecem em razão da reacomodação súbita de alguns pontos nessas áreas. Além disso, as zonas de encontro entre duas placas são locais altamente instáveis geologicamente e onde também surgem os vulcões e as cadeias montanhosas. Observe o esquema a seguir:

Esquema ilustrativo da zona de contato entre duas placas tectônicas
Esquema ilustrativo da zona de contato entre duas placas tectônicas

É possível observar que a placa oceânica, mais pesada, afunda após o choque, fenômeno que chamamos de subducção, e a placa mais leve ascende e, parte dela, “enruga”, formando as montanhas, em um processo denominado por obducção. Nas áreas de subducção, comumente se formam os pontos mais profundos da Terra, como as fossas oceânicas, enquanto nas áreas de obducção formam-se os pontos de maior altitude do planeta.

Portanto, as regiões do planeta que se localizam nos pontos de encontro entre placas tectônicas costumam sofrer com mais frequência e intensidade a ação dos terremotos, além de registrarem a presença de vulcões e montanhas com elevada altitude. Já nos países posicionados no interior de uma placa, como é o caso do Brasil – que está situado na Placa Sul-americana –, costumam sofrer menos esse tipo de problema e apresentam um relevo geologicamente antigo.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A Cordilheira dos Andes, por exemplo, encontra-se na zona de encontro entre as placas Sul-Americana e de Nazca, havendo também muitas ocorrências de vulcões e terremotos em todo a faixa oeste da América do Sul. Já a Cordilheira do Himalaia, onde está o ponto mais alto da Terra, o Everest, encontra-se na área de encontro entre as placas Indo-Australiana e Euro-Asiática.

Tipos de movimentos das placas tectônicas

Há três principais tipos de movimentos das placas tectônicas, considerando a direção do deslocamento de uma placa em relação à outra: o convergente, o divergente e o subsidente ou transformante.

Movimento convergente: As placas com movimento convergente são aquelas que se chocam diretamente entre si, indo uma contra a outra. É esse o caso do exemplo no esquema anterior, onde se formam as maiores cadeias de montanha.

Movimento divergente: Ocorre quando as placas afastam-se uma da outra. Esse afastamento pode provocar a emergência do magma que se solidifica e forma algumas ilhas vulcânicas em áreas oceânicas.

Movimento transformante: É quando as placas se deslocam unilateralmente, havendo, ainda sim, o atrito entre elas, com a ocorrência de terremotos e a formação de alguns falhamentos, a exemplo da Falha de San Andreas, no oeste dos Estados Unidos.


Aproveite para conferir nossa videoaula sobre o assunto:

Mapa geral com as placas tectônicas

Mapa geral com as placas tectônicas

Por: Rodolfo F. Alves Pena

Artigos relacionados

A biosfera

A biosfera, A biosfera é a esfera da vida, A biosfera oferece condições para o desenvolvimento da vida, O que é biosfera, A constituição da biosfera, Os elementos que compõe a biosfera.

Deriva Continental

Deriva Continental, O que é Deriva Continental, Quem desenvolveu a Teoria da Deriva Continental, Quando surgiu a Teoria da Deriva Continental, As evidências para elaboração da Teoria da Deriva Continental.

Oásis

Oásis, O que é o Oásis, Onde se localiza os Oásis, os tipos de Oásis, as características de um Oásis, como é formado o oásis.

Oceanos

Oceanos, o que é oceano, oceano Pacífico, oceano Atlântico, oceano Ártico, oceano Índico, oceano Antártico, para que os oceanos são importantes.

Oceanos e mares

Oceanos e mares, planeta, climático, economia, países, fluxos comerciais, exportação, importação, recursos hídricos, peixes, pescados, renda, jazida, petróleo, navegadores, terras, Américas, Pacífico, Atlântico, Índico, Ártico, Antártico, mares abertos, mares interiores, mares fechados.

Pangéia

Pangéia, O primeiro continente do planeta, O que é a Pangéia, As divisões da Pangéia, Quem criou a teoria da deriva continental, Como foi alcançada a teoria da deriva continental.

O Terremoto no Japão

Causas e consequências do pior terremoto no Japão.

Camadas da Terra

Conheça as camadas da Terra e descubra a estrutura interna do nosso Planeta.

Agentes Transformadores do Relevo

As características e dinâmicas dos agentes transformadores do relevo.

Ciclo das rochas

Compreenda o processo de formação e transformação da camada sólida da Terra através da análise do ciclo das rochas!

Eras Geológicas

Estude o quadro estrutural de divisão das eras geológicas e conheça a importância de se compreender o passado da Terra!

Astenosfera

A astenosfera, a segunda camada da Terra, logo abaixo da litosfera.

Litosfera

Conheça um pouco sobre a litosfera, a porção sólida do planeta.

Orogênese e Epirogênese

Compreender a diferença entre orogênese e epirogênese ajuda-nos a conhecer melhor os processos de formação do relevo terrestre.

Vulcanismo

Compreenda os processos relacionados com o vulcanismo, com destaque para as erupções vulcânicas.

Terremotos no Chile

Os terremotos no Chile recentemente registrados provocaram graves tragédias. Entenda por que o país sofre tanto com esse problema.

Crosta Terrestre

Confira as principais características da crosta terrestre, como a sua composição e a sua estrutura.

Tsunami

Descubra o que é um tsunami, seus principais aspectos e quais são as suas causas.

Correntes de convecção da Terra

Entenda o que são as correntes de convecção da Terra e como elas interferem na movimentação das placas tectônicas do nosso planeta.

Cânions

Você sabe o que são os cânions e como eles se formam? Leia e conheça as principais características dessas exuberantes formas de relevo!

Terremotos no Brasil

Saiba mais sobre a possibilidade de ocorrência de terremotos no Brasil!

Falhas Geológicas

Entenda o que são as falhas geológicas e as relações que elas possuem com as manifestações dos terremotos.

Geomorfologia

Clique aqui e saiba mais sobre a Geomorfologia, uma ciência ligada à Geografia e à Geologia.

Seis curiosidades sobre vulcões

Clique aqui e confira seis curiosidades sobre os vulcões e aumente sua compreensão sobre o tema!

Escudos cristalinos

Clique aqui e saiba mais sobre os escudos cristalinos, formações antigas ricas em minérios.

Arquipélago

Clique aqui e entenda o que é um arquipélago e qual é a sua origem, formação e classificação.

Dobramentos modernos

Clique aqui e saiba mais sobre os dobramentos modernos, o tipo de estrutura geológica mais recente na formação da Terra.

O vulcão mais ativo do mundo

Em atividade desde 1983, o Kilauea é o vulcão mais ativo do mundo. Clique aqui e saiba mais sobre esse gigante!

Maremoto

Aprenda mais sobre o fenômeno conhecido como maremoto, que nada mais é do que um abalo sísmico no solo oceânico que provoca a agitação das águas, as quais se propagam no sentido do litoral. Descubra também como se formam as ondas gigantes, qual é a sua dimensão e como elas podem tornar-se destrutivas.

Relevo Submarino

Clique aqui e conheça as principais formas de relevo submarino!

Terremotos

Saiba mais sobre as causas dos terremotos, as suas diferentes intensidades e consequências.

Vulcões

O conceito, as características e alguns exemplos de vulcões pelo mundo.