Camadas da Terra

A estrutura interna da Terra não é homogênea e, tampouco, estática. Ela é formada por algumas divisões que se sobrepõem, são as Camadas da Terra.

Não existem dados precisos ou registros de observações diretas sobre a estrutura interna da terra, pois a perfuração mais profunda que o homem já realizou atingiu cerca de 13 km, no poço da Península de Kola, na Rússia. Tal profundidade é insignificante perante os 6.380 km que vão da superfície ao centro da terra.

Dessa forma, os estudos realizados pelos geólogos baseiam-se em análises dos tremores e movimentos que acontecem no interior da superfície terrestre, através da ajuda de aparelhos específicos. Com isso, através de muitos estudos, os cientistas concluíram que as camadas da terra são: crosta, manto e núcleo.

Além dessas três camadas, existem as chamadas descontinuidades, que são zonas de transição entre as camadas. Entre a crosta e o manto, temos a descontinuidade de Mohorovicic e, entre o manto e o núcleo, encontra-se a descontinuidade de Wiechert-Gutenberg. Observe a figura abaixo:

Esquema representativo das camadas da Terra

A crosta terrestre é subdividida em crosta superior e crosta inferior. Além disso, ela apresenta profundidades que oscilam entre 30 km e 70 km, configurando-se como a menor das camadas da terra. As temperaturas  variam e podem alcançar os 1000ºC.

A crosta superior é composta predominantemente por silício e alumínio, e os tipos de rocha são as sedimentares, além do granito e do basalto.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A crosta inferior é formada por basicamente por basalto, com predomínio dos elementos silício e magnésio. Vale lembrar que nos oceanos não apresentam a crosta superior e a inferior apresenta profundidades entre 5 km e 15 km somente.

O manto é constituído basicamente por ferro, magnésio e silício, além de ser composto por um material pastoso chamado de magma. Nessa camada, acontecem os movimentos de convecção, em que o magma mais aquecido pelas altas temperaturas do interior da terra sobe para as porções mais elevadas e, à medida que se resfria, desce novamente para as porções mais inferiores em um processo cíclico. As profundidades do manto podem alcançar os 2900 km e atingirem cerca de 2000ºC.

O núcleo é a camada mais inferior da terra e, assim como a crosta, também se divide em dois: o núcleo externo e o núcleo interno. Não existe certeza sobre o estado físico do núcleo interno, mas acredita-se que ele esteja em estado sólido devido à extrema pressão interna da terra, ele apresenta temperaturas similares à superfície solar (cerca de 5000ºC). O Núcleo externo provavelmente encontra-se em estado líquido, com temperatura de até 3000ºC.


Aproveite para conferir nossa videoaula sobre o assunto:

A Terra é formada por várias camadas internas

A Terra é formada por várias camadas internas

Por: Rodolfo F. Alves Pena

Artigos relacionados

Eras Geológicas

Estude o quadro estrutural de divisão das eras geológicas e conheça a importância de se compreender o passado da Terra!

Astenosfera

A astenosfera, a segunda camada da Terra, logo abaixo da litosfera.

Litosfera

Conheça um pouco sobre a litosfera, a porção sólida do planeta.

Vulcanismo

Compreenda os processos relacionados com o vulcanismo, com destaque para as erupções vulcânicas.

Crosta Terrestre

Confira as principais características da crosta terrestre, como a sua composição e a sua estrutura.

Manto Terrestre

Conheça as características e propriedades naturais do manto terrestre, a maior e mais volumosa camada da Terra!

Camadas da Atmosfera

Saiba mais sobre as camadas da atmosfera, que são as divisões da atmosfera terrestre determinadas com base no critério de variação de temperatura. O conteúdo do texto a seguir abordará quais são as camadas que compõem a atmosfera, suas principais características e algumas curiosidades sobre cada uma delas.

Placas Tectônicas

Saiba o que são as placas tectônicas, o que gera sua movimentação e quais são os tipos de deslocamento que elas realizam.

Terremotos

Saiba mais sobre as causas dos terremotos, as suas diferentes intensidades e consequências.