Ata

A ata é um texto que tem como principal objetivo o registro de discussões e deliberações feitas por um determinado grupo.

A ata é o documento usado para registrar informações de uma reunião.
A ata é o documento usado para registrar informações de uma reunião.

Ata é um documento por meio do qual é feito o registro, de forma resumida e clara, das discussões, deliberações e ocorrências de uma reunião ou assembleia. Por ser um documento que pode conter valor jurídico, ela deve ser redigida de um jeito que não seja possível ser facilmente alterada.

Atualmente, seja em reuniões presenciais ou on-line, a ata continua sendo o principal gênero textual utilizado para registrar decisões tomadas de forma coletiva. Por se tratar de um texto que compõe a redação técnica, ela prioriza a objetividade, a comunicação concisa e a escrita padrão da língua portuguesa.

Veja também: Carta comercial — gênero textual utilizado como meio de comunicação entre empresas

Resumo sobre ata

  • A ata é um texto de modalidade técnica que tem como principal função registrar discussões e deliberações tomadas em reuniões, simpósios, assembleias ou sessões.
  • Do ponto de vista estrutural, a ata apresenta uma composição fixa:
    • título;
    • data e local;
    • corpo do texto;
    • assinatura.
  • Pode ser classificada em ata formal ou ata informal. A primeira é assinada por todos os participantes da reunião e registrada em cartório. Já a segunda não exige registro formal e apresenta uma síntese das principais discussões.
  • As características principais do gênero ata são:
    • uso de linguagem denotativa;
    • texto objetivo;
    • prioridade pela função referencial;
    • escrita na norma-padrão da língua portuguesa;
    • apresentação dos acontecimentos em ordem sequencial e cronológica.

Videoaula sobre ata

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O que é ata?

A ata é um texto com prevalência da tipologia textual expositiva utilizado em diversas instituições ou grupos a fim de fazer o registro de discussões resultantes de uma reunião, assembleia ou sessão. Ela é um recurso muito eficiente para a documentação de discussões e deliberações feitas por um grupo.

O gênero ata é considerado um documento formal e possui pouca flexibilidade em sua composição. A justificativa desse caráter rígido está na possibilidade de que ela funcione como prova dentro da área jurídica. Por causa de suas características, a ata faz parte de um conjunto de textos denominado redação técnica.

Saiba mais: Requerimento — circunstância comunicativa cuja intenção é a de solicitar algo

Características de uma ata

Na ata prevalecem as características inerentes aos gêneros textuais que fazem parte da redação técnica. Sendo assim, uma ata deve:

  • utilizar vocabulário preciso (linguagem denotativa);
  • priorizar a função referencial (focada no assunto, concisa e objetiva);
  • usar a norma-padrão da língua portuguesa;
  • apresentar uma ordem sequencial e cronológica dos fatos ocorridos na reunião, seminário ou simpósio.

Além dos elementos acima, é preciso ressaltar que uma ata não deve conter:

  • parágrafos ou alíneas;
  • opinião do redator;
  • abreviaturas;
  • rasuras.

Como se faz uma ata de reunião?

A ata possui uma composição estrutural fixa. Sendo assim, seus principais elementos são:

  • Título. Geralmente, escreve-se apenas “Ata” para identificar o texto.
  • Data, hora e local da reunião.
  • Relação dos objetivos da reunião (pauta).
  • Relação dos integrantes da reunião.
  • No corpo do texto, ausência de parágrafos. Os números e datas devem ser escritos por extenso. Isso é recomendado para que fraudes e alterações no documento original sejam evitadas.
  • Assinatura no final do documento.

A estrutura acima pode ser identificada no modelo abaixo:

Ata

(Data, horário, local e objetivos):

Aos quatorze dias do mês de outubro de dois mil e dez, com início às vinte horas, na sala de reuniões da XY Telecom, localizada na Avenida Brasil, número sete, município X, foi realizada uma reunião com todos os técnicos de telecomunicação, com o objetivo de [...].

LISTAR AQUI OS INTEGRANTES

RELATAR AQUI OS ACONTECIMENTOS DA REUNIÃO

Assinatura

Tipos de ata

A ata pode ser classificada em dois tipos.

→ Ata formal

A ata formal segue a estrutura padrão de ata, porém é assinada por todos os integrantes e registrada em cartório como documento oficial.

→ Ata informal

A ata informal não apresenta registro formalizado em cartório, e os relatos da reunião podem ser apenas dos pontos mais importantes.

Leia também: Declaração — documento utilizado quando se deseja fazer alguma afirmação ou comprovação

Exemplos de ata

  • Exemplo 1

ATA

Aos vinte e dois dias do mês de março de dois mil e dez, com início às vinte horas, na sala de reuniões da Escola São Carmo, localizada na Avenida XX, número 00, município de São Carlos, realizou-se uma reunião com todos os professores, com o objetivo de organizar a realização do planejamento pedagógico do primeiro semestre do ano. Participaram da reunião todos os professores da atual equipe do ensino médio, além do coordenador pedagógico e da secretária para assuntos educacionais. A reunião começou pontualmente no horário combinado, e os professores prontamente se dispuseram à antecipação do planejamento envolvendo a nova plataforma de ensino que será implantada no decorrer deste ano. O professor Marcos Uchôa relatou as dificuldades que ele e alguns colegas tiveram no acesso prévio ao software disponibilizado pela secretaria. Com isso, os professores Felipe Conceição, Márcio Galdino e Luiza Daniela concordaram com o professor quanto à antecipação das atividades pedagógicas e à inclusão de oficinas e cursos com a finalidade de ensinar os profissionais a usar o novo sistema. Nada mais havendo a tratar, a reunião foi encerrada.

Coordenador

Professores

Secretária

  • Exemplo 2

ATA

Aos dez dias do mês de janeiro de dois mil e vinte e dois, com início às sete horas, na sala de reuniões do Hospital Social, localizada na Avenida XX, número 00, município de Goianésia, realizou-se uma reunião com todos os plantonistas da equipe médica, com o objetivo de organizar os horários de plantão dos próximos quinze dias. A reunião teve início com uma exposição dos dados alarmantes quanto ao crescimento dos casos de covid-19 na região. A preocupação foi generalizada, e os plantonistas presentes começaram a montar um novo cronograma a fim de atender toda a demanda local. Assim, eles se subdividiram em quatro equipes que vão trabalhar todos os dias, incluindo feriados, até pelo menos o dia vinte e cinco do mês de janeiro. A única exceção, conforme combinado, ficou para o período da noite, quando haverá uma alternância e descanso para os que trabalharem na madrugada. Sem mais a tratar, a reunião foi encerrada.

Direção do Hospital Social

Médicos do Hospital Social

Correção de uma ata

Conforme foi dito anteriormente, a ata não pode ser rasurada. Assim, quando um erro ocorrer, existem duas estratégias, que variam de acordo com o momento em que se escreve:

  • Caso a ata ainda esteja sendo redigida, utiliza-se o termo “digo”, seguido da informação correta.
  • Caso a ata já tenha sido concluída, deve-se utilizar a expressão “em tempo”, seguida da correção ao final.

Vejamos os exemplos a seguir.

→ Ata com correção durante a escrita

Participaram da reunião todos os professores da atual equipe do ensino médio, digo, todos os professores do ensino médio e fundamental da instituição, além do coordenador pedagógico e da secretária para assuntos educacionais.

Ata com correção após a finalização da escrita

Assim, eles se subdividiram em quatro equipes que vão trabalhar todos os dias, incluindo feriados até, pelo menos, o dia vinte e cinco do mês de janeiro. A única exceção, conforme combinado, ficou para o período da noite, quando haverá uma alternância e descanso para os que trabalharem na madrugada. Sem mais a tratar, a reunião foi encerrada. Em tempo, os grupos não trabalharam todos os dias da semana conforme mencionado acima. Os finais de semana também foram alternados entre eles, conforme o rodízio documentado por eles e enviado à direção do hospital.

Por: Rafael Camargo de Oliveira

Artigos relacionados

Atestado

Através de uma estrutura padrão, o atestado tem por fim confirmar a existência ou inexistência de uma situação de direito.

Carta comercial

Descubra o que é uma carta comercial. Aprenda suas principais características e estrutura. Conheça os tipos desse gênero e veja exemplos deles.

Como escrever bem?

Aprenda 5 passos para aprimorar a sua produção textual e desenvolva a sua habilidade de escrita!

Declaração

Conheça a declaração e aprenda quais suas características e função social. Aprenda como fazer uma declaração com diferentes modelos.

Importância da revisão textual

A importância da revisão textual representa um conhecimento destinado ao emissor, no intuito de colocar em prática suas habilidades requisitadas mediante a linguagem escrita.

Memorando

Memorando é um tipo de comunicação eminentemente interna estabelecida entre as unidades administrativas de um órgão, obedecendo a uma estrutura padronizada.

Redação técnica

Você sabe o que é redação técnica? Clique aqui, compreenda suas características, saiba quais são seus tipos mais comuns, e veja exemplos.

Requerimento

Saiba o que é e quais são as características e a estrutura de um requerimento. Aprenda como fazer um, e veja um exemplo.

Vinte dicas necessárias à competência linguística

Amplie ainda mais sua competência linguística, clicando e conferindo vinte dicas necessárias a tal habilidade!