Concordância Nominal

A concordância nominal, em geral, causa dúvidas, já que existem situações em que a regra geral não se encaixa, por isso, é importante analisar cada ocorrência.

A oração é dividida em dois grupos, nominal e verbal, definidos pela classe gramatical que lhe serve como núcleo. Na parte nominal, estão presentes o substantivo (núcleo) e seus determinantes (artigo, adjetivo, numeral e pronome adjetivo). Na verbal, estão presentes o verbo (núcleo) e os termos que a ele se relacionam, tais como (advérbio e complementos verbais).

Todos os termos que compõem a oração precisam estar em harmonia, por isso, o verbo concorda com o sujeito em número e pessoa, enquanto o substantivo concorda com os seus determinantes em gênero (feminino e masculino) e número (singular e plural). Essas acomodações são chamadas de concordância verbal e concordância nominal, respectivamente.

Para não haver desavenças entre os elementos da oração, algumas regras são necessárias, acompanhe-as:

1 - Adjetivo que se refere a mais de um substantivo.

  • O homem e o menino ficaram tranquilos;
  • A mulher e a criança estavam nervosas;
  • O policial e a vítima saíram ilesos.
  • Quando há dois substantivos e ambos pertencem ao mesmo gênero, o adjetivo concorda em gênero e número com o substantivo, como aconteceu nos exemplos I e II. Logo, substantivo no masculino, adjetivo também e vice-versa. Entretanto, se pertencerem a gêneros diferentes, o adjetivo deve aparecer no masculino e no plural, como no exemplo III.

2 - O adjetivo é predicativo do objeto.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Mantenha as portas da empresa abertas.
  • Mantenha abertas as portas da empresa.
  • Encontramos os alunos animados.
  • Encontramos animados os alunos.

O predicativo do objeto é o termo responsável por caracterizar o objeto, ou seja, o complemento verbal. Quando ele aparece, é importante prestar atenção, principalmente quando o predicativo apresenta-se antes do substantivo, pois algumas pessoas consideram que se o verbo está no singular, o predicativo também estará. Cuidado, o predicativo é do objeto, ou seja, do complemento do verbo, que em geral é um substantivo. Logo, se a concordância é nominal, é o substantivo. Por isso, nos exemplos I e II, embora o verbo esteja no singular, o adjetivo permanece no plural, isso vale para qualquer posicionamento do adjetivo (antes ou depois do substantivo).

3 - Substantivo modificado por dois adjetivos.

  • Admiro a cultura italiana e a espanhola.
  • Admiro as culturas italiana e espanhola.

Nesse caso, há duas possibilidades, por isso, é importante prestar atenção, pois quando o adjetivo aparece no plural, o artigo deve aparecer antes do adjetivo e vir no plural, para definir que se trata de culturas distintas.

Aproveite para conferir a nossa videoaula relacionada ao assunto:

As regras de concordância nominal precisam ser estudadas para evitar as inadequações

As regras de concordância nominal precisam ser estudadas para evitar as inadequações

Por: Mayra Gabriella de Rezende Pavan

Artigos relacionados

A concordância que se atribui a alguns termos - Um estudo particular

Constate acerca de alguns pressupostos relacionados a este assunto!

É proibido ou é proibida?

Qual é a forma correta: É proibido a entrada ou é proibida entrada? Descubra a resposta aqui!