Classificação dos óxidos

Óxidos são compostos binários, ou seja, formados pela combinação de dois elementos, sendo um deles oxigênio.

Classificação dos óxidos em função do comportamento na presença de outros elementos:

Óxidos básicos: o metal presente em sua fórmula pode apresentar “carga elétrica” +1 e +2, ou seja, possuir caráter iônico. Exemplos: Na2O (Óxido de sódio), BaO (Óxido de bário). Em razão dessa propriedade, estes compostos reagem com ácidos e originam sal e água. Veja o processo:

Na2O + H2SO4 → Na2SO4 + H2O
óxido básico + ácido      sal      água

Óxidos neutros: são compostos por ametais, eles não reagem com água, ácido ou base, em razão da ligação covalente que une seus componentes, daí o porquê de serem chamados de óxidos inertes. Exemplos: monóxido de dinitrogênio (N2O), monóxido de carbono (CO).

Óxidos ácidos: também conhecidos como anidridos de ácidos, são formados por ametais e apresentam caráter covalente. Na presença de água produzem ácidos e na presença de bases originam sal e água. Exemplo: CO2 (dióxido de carbono ou gás carbônico), SO2 (óxido de enxofre).

Óxidos duplos ou mistos: a combinação de dois óxidos de um mesmo elemento dá origem a esse tipo de óxido. Exemplo: magnetita (Fe3O4), junção dos óxidos Ferro (Fe) e Oxigênio (O). Aplicação: ímã natural.

Óxidos anfóteros: apresentam ambiguidade, na presença de um ácido se comportam como óxidos básicos, e na presença de uma base, como óxidos ácidos. Exemplos: óxido de Alumínio (Al2O3), óxido de zinco (ZnO).

Peróxidos: compostos que possuem em sua fórmula o grupo (O2)2- . Exemplos: Água oxigenada (H2O2) e Peróxido de sódio (Na2O2).

Os peróxidos mais comuns são formados por hidrogênio, metais alcalinos e metais alcalino-terrosos. São aplicados na indústria como alvejantes para clarificar tecidos e polpa de celulose (confecção de papel).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)





Aproveite para conferir nossas videoaulas relacionadas ao assunto:

Água oxigenada

Água oxigenada

Por: Líria Alves

Artigos relacionados

Dióxido de carbono

Conheça a constituição química do dióxido de carbono (gás carbônico), suas fontes, produção, aplicações e sua participação em problemas ambientais.

Monóxido de carbono

Conheça a constituição, as fontes de obtenção, o perigo de intoxicação e as aplicações do monóxido de carbono pela indústria química.

Nomenclatura dos Óxidos

As regras de nomenclatura dos óxidos estabelecidas pela IUPAC levam em consideração se estes são óxidos iônicos ou moleculares.

Principais óxidos

Descubra quais são os óxidos mais usados em nosso cotidiano, suas propriedades, características, fontes de obtenção e aplicações.

Reações com óxidos anfóteros

Aprenda a determinar os produtos das reações com óxidos anfóteros em presença de ácidos e bases.

Reações com óxidos duplos

Conheça as características dos óxidos duplos e os produtos formados na reação desses compostos com água, ácido e base.

Água anfótera

Entenda porque a água pode ser chamada de anfótera e veja exemplos.

Óxidos

Substâncias que possuem oxigênio ligado a outro elemento químico.

Óxidos anfóteros

Clique e conheça os óxidos anfóteros, importante grupo de substâncias inorgânicas, e aprenda quais são as características e os elementos que os formam.

Óxidos básicos

Os óxidos básicos estão presentes na cal, nas plantas e nas cinzas de madeira e cigarros. Aprenda mais sobre esses compostos lendo este texto.

Óxidos duplos, mistos ou salinos

Clique e aprenda o que são óxidos duplos e quais são os produtos formados em uma reação desses compostos com água, ácidos ou bases.

Óxidos neutros

Descubra o que torna um óxido neutro; além de ver as aplicações e fontes de obtenção dos três principais óxidos: monóxido de carbono, de nitrogênio e de dinitrogênio.