Enfim ou em fim?

Enfim ou em fim? Muita gente fica em dúvida se deve usar um termo ou outro na hora de escrever. É que ambos existem na língua portuguesa, mas têm sentidos diferentes. Assim, a palavra “enfim”, a qual pode ser substituída por “finalmente”, é usada quando queremos sugerir a conclusão de determinado processo; já o termo “em fim”, o qual pode ser substituído por “no final”, é utilizado quando pretendemos indicar o término de alguma coisa.

Leia também: Bastante ou bastantes?

Quando usar o “enfim”?

Muita gente não sabe quando usar a palavra “enfim”.
Muita gente não sabe quando usar a palavra “enfim”.

A palavra “enfim” é um advérbio de tempo usado com o sentido de “finalmente”, portanto, está relacionada à conclusão de determinado processo:

  • Tínhamos, enfim, chegado ao topo do monte Everest.

  • Enfim, o Estado reconheceu o erro e indenizou o homem preso por um crime que não cometeu.

  • Eu poderia, enfim, dizer que o que aconteceu entre nós não significou nada para mim; porém, eu estaria mentindo.

  • Quando a princesa Isabel, enfim, assinou a Lei Áurea, houve diversas festas comemorativas no Brasil.

  • Ela sonhava com o dia em que, enfim, poderia orgulhar-se de seu país.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Observe que todos os exemplos referem-se ao momento em que determinado processo foi concluído, isto é, a subida do Everest, a busca por justiça, um relacionamento afetivo, a luta por liberdade e o desenvolvimento de uma nação. Além disso, note que a palavra “enfim” assume certa independência nos enunciados, que podem existir sem ela, apesar de perderem o sentido original de conclusão:

  • Tínhamos chegado ao topo do monte Everest.

  • O Estado reconheceu o erro e indenizou o homem preso por um crime que não cometeu.

  • Eu poderia dizer que o que aconteceu entre nós não significou nada para mim; porém, eu estaria mentindo.

  • Quando a princesa Isabel assinou a Lei Áurea, houve diversas festas comemorativas no Brasil.

  • Ela sonhava com o dia em que poderia orgulhar-se de seu país.

Quando usar o “em fim”?

Já o termo “em fim” é uma locução adverbial de tempo usada com o sentido de “no final”. Desse modo, indica o término de alguma coisa:

  • Em fim de festa, é preciso ter paciência com os amigos bêbados.

  • Em fim de namoro, é melhor falar o menos possível.

  • Os alunos da professora, em fim de prova, ficavam agitados.

  • Camila, em fim de férias, sempre sentia profunda melancolia.

  • Comer pizza é a melhor coisa a fazer-se em fim de noite de sábado.

Note que todos os exemplos referem-se ao momento em que alguma coisa acaba, ou seja, a festa, o namoro, a prova, as férias e a noite. Observe também que a expressão “em fim de” depende do substantivo que a sucede para fazer sentido, diferentemente do termo “enfim”, como já mostramos.

Leia também: Concerto ou conserto?

Exercícios resolvidos

Questão 1 – Em todos os enunciados a seguir, o uso de “enfim”, com o sentido de “finalmente”, está correto, EXCETO:

A) Depois de tantos amores, estou, enfim, sozinha e disposta a investir em minha carreira.

B) Enfim, o cineasta finalizou o seu filme após cinco anos em busca de financiamento.

C) Todas sabíamos que, enfim de ano, é impossível contar com o apoio das empresas.

D) Quando, enfim, estávamos dispostos a ouvi-lo, ele decidiu manter-se em silêncio.

E) Enfim, as famílias dos desaparecidos políticos receberam as informações solicitadas.

Resolução

Alternativa C. Na expressão “enfim de ano”, a palavra “enfim” não possui o sentido de “finalmente”, pois está sendo usada na acepção de “no final”. Portanto, o correto é “em fim de ano”.

Questão 2 – Analise os enunciados a seguir e assinale a alternativa em que o uso de “enfim” ou “em fim” está correto.

A) Eu sei que, enfim de mês, corremos o risco de gastar demais e ficar ainda mais endividados.

B) Em fim, apesar do cancelamento da bolsa de doutorado, conseguiu terminar sua pesquisa.

C) Seu Adamastor estava enfim de carreira, não tinha mais o entusiasmo de quando começou.

D) Quando a humanidade entender que só há justiça na igualdade, seremos, enfim, uma civilização.

E) Era de se esperar que, enfim de ano eleitoral, a frustração se convertesse em alguma esperança.

Resolução

Alternativa D. No enunciado em questão, o uso de “enfim” está correto, pois equivale a “finalmente”.

Por: Warley Souza

Artigos relacionados

Embaixo ou em baixo

Descubra quando escrever “embaixo” e quando escrever “em baixo” entendendo a diferença entre esses dois termos. Veja quais são os contextos de uso de cada um.

Mas ou mais?

Afinal, qual é a forma correta, mas ou mais? Clique e fique por dentro de mais uma superdica de língua portuguesa.

Para eu ou para mim?

Uma dúvida persistente: Para eu ou para mim? Entenda como e quando usar cada uma das expressões.

Risco de vida ou risco de morte?

Risco de vida ou risco de morte? Clique e conheça a verdadeira resposta para essa pergunta.

Senão ou se não?

Senão ou se não? Confira a dica e aprenda a escrever corretamente.

Tão pouco ou tampouco?

Dica gramatical: afinal, qual forma está correta, tão pouco ou tampouco? Clique e confira a resposta para essa pergunta!

Vim ou vir?

Entenda melhor a diferença no uso das formas verbais “vim” e “vir”, aprendendo quando se trata de uma conjugação do verbo “vir” ou do verbo “ver” com exemplos.