Afrodite

Afrodite era uma das deusas da religiosidade grega. Ela era relacionada com a fertilidade e a sexualidade e era considerada protetora dos navegantes.

Ilustração da deusa Afrodite.
Representação de Afrodite, deusa grega do amor, da beleza, do desejo e da fertilidade.

Afrodite era uma deusa muito importante na religiosidade dos gregos antigos. Ela era considerada a deusa da beleza, do amor, do desejo, da fertilidade, entre outros atributos. Os gregos relacionavam essa deusa com a sexualidade e a fertilidade, mas ela também tinha outras características, como a de ser protetora daqueles que viajavam pelo mar.

Os gregos acreditavam que ela teria nascido em Chipre, e os historiadores afirmam que o culto a Afrodite foi uma influência do culto fenício a Astarte e do culto mesopotâmico a Ishtar. Afrodite ficou marcada por ter se casado com Hefesto e por ter sido infeliz nesse casamento. Ela participou da Guerra de Troia, ficando do lado dos troianos.

Leia também: Medusa — a górgona capaz de transformar em pedra todos os que a olhassem diretamente

Resumo sobre Afrodite

  • Afrodite era a deusa grega da beleza, do amor e do desejo.

  • Os gregos associavam Afrodite com a fertilidade e a sexualidade. Ela era considerada capaz de seduzir homens, mulheres, deuses e deusas.

  • Era protetora daqueles que viajavam por mar e das prostitutas.

  • Era considerada a deusa mais bela entre as deusas gregas.

  • Nasceu no Chipre, local onde o culto a Afrodite tinha muita evidência.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quem era Afrodite?

Afrodite era uma deusa presente na religiosidade dos gregos antigos. Ela era considerada a deusa do amor, da beleza, do desejo e da fertilidade, possuindo forte relação com a sexualidade humana. Segundo a crença dos gregos, ela era considerada uma deusa belíssima, capaz de seduzir homens, mulheres, deuses e deusas.

Apesar da relação com o amor e a sexualidade, o significado de Afrodite ia muito além disso para os gregos antigos. Ela tinha relação com a guerra, com o comércio, com as navegações marítimas, entre outros atributos. Essa deusa também era adorada pelos romanos, sendo conhecida por eles como Vênus.

→ Versões do mito sobre a origem de Afrodite

Os gregos acreditavam que Afrodite teria nascido na ilha de Chipre ou em alguma localidade próxima. Existiam duas versões a respeito do nascimento dessa deusa:

  • A primeira foi apresentada por Homero e falava que ela era filha de Zeus com uma titânide chamada Dione.

  • A segunda versão, narrada por Hesíodo, falava que ela teria nascido da espuma do oceano.

Essa segunda versão afirmava que Afrodite teria nascido do órgão genital de Urano, que foi lançado ao mar e se transformou em uma espuma que deu origem à deusa. Isso teria acontecido por conta de uma rebelião de Cronos contra o seu próprio pai, Urano. Nesse acontecimento, ele cortou o órgão genital de seu pai, o lançou no mar, e daí surgiu Afrodite.

Essas versões conflitantes levaram o filósofo Platão a formular uma explicação, afirmando que as origens narradas por Homero e Hesíodo se referem a duas deusas, que são:

  • Afrodite Pandemos: seria a Afrodite “comum” e representaria o amor entre homens e mulheres.

  • Afrodite Urânia: tinha maior relação com o amor entre homens.

Afrodite na mitologia grega

Afrodite era uma das divindades mais populares dos gregos antigos, e, por isso, existem inúmeras menções a essa deusa nos mitos gregos. Uma das passagens mais conhecidas trata da relação de Afrodite com o início da Guerra de Troia. Tudo teria começado com um concurso lançado por Eris, deusa da discórdia, em uma festa para a qual ela não havia sido convidada.

Ela apareceu na festa com uma maçã de ouro, afirmando que essa maçã pertenceria à deusa mais bela de todas. De prontidão, três deusas reivindicaram a fruta:

  • Afrodite;

  • Atena;

  • Hera.

Os deuses gregos decidiram não tomar partido na disputa, e Páris, um mortal, foi eleito para escolher quem era merecedora da maçã de ouro. A escolha por Afrodite rendeu a Páris uma recompensa por parte da deusa.

Ela garantiu a ele o amor da mulher mais linda da Terra, que se tratava de Helena, esposa de Menelau, o rei de Esparta. Eles se apaixonaram e fugiram de Esparta para Troia, cidade em que Páris era príncipe. A fuga de Helena enfureceu Menelau, que decidiu pedir ajuda de seu irmão para lançar guerra contra Troia.

Ao longo do conflito, Afrodite teria auxiliado os troianos, mas o apoio dela não foi o suficiente, e Troia foi derrotada e destruída. O filho mortal de Afrodite, chamado Eneias, lutou na Guerra de Troia, contando com a proteção de sua mãe durante esse conflito.

Os mitos gregos também contam que Afrodite teria sido obrigada a se casar com Hefesto, deus da metalurgia, conhecido por ter uma aparência horrenda. Afrodite era profundamente infeliz em seu casamento com ele e, por isso, o traía constantemente, principalmente com Ares, deus da guerra.

Em determinado momento, o deus Hélio descobriu a traição e a relatou para Hefesto. O marido de Afrodite então fez uma armadilha para aprisionar Ares e Afrodite durante o ato. Depois de presos, Ares e Afrodite foram expostos para que todos os deuses do Olimpo vissem o casal aprisionado. Essa traição de Afrodite fez com que ela e Hefesto se divorciassem.

Veja também: Perséfone — a deusa grega da agricultura e da vegetação

Culto a Afrodite

Por ser uma divindade de grande importância para os gregos, o culto a Afrodite era uma prática comum na Grécia Antiga e em diversos locais. Afrodite era uma deusa respeitada por homens, mulheres e também pelas autoridades que governavam as cidades-Estado da Grécia. Entretanto, ela tinha uma importância maior nas cidades litorâneas.

Ruínas de um templo para Afrodite que foi construído em Pafos, no Chipre. [1]
Ruínas de um templo para Afrodite que foi construído em Pafos, no Chipre. [1]

Ela era considerada a protetora daqueles que viajavam pelo mar e das prostitutas, recebendo cultos específicos de ambos. Entre os locais que mais prestavam culto a Afrodite destacam-se as cidades cipriotas, em especial Pafos. Além disso, ela era muito adorada em:

  • Corinto;

  • Citera;

  • Tebas;

  • Esparta.

Os gregos também adoravam Afrodite em festivais como a Afrodísia. Era comum que em locais como Corinto fossem realizados rituais de prostituição como forma de adoração a Afrodite.

→ Origem do culto a Afrodite

O local de origem de Afrodite sugere que ela tinha ligação com cultos a deusas da fertilidade orientais. Os historiadores afirmam que o culto a Afrodite foi uma influência direta do culto a Astarte, divindade fenícia que também se relacionava com a fertilidade e a sexualidade. Outros historiadores também sugerem uma relação de Afrodite com Ishtar, uma deusa mesopotâmica.

Por fim, a etimologia do nome de Afrodite faz referência a aphrós, termo grego que remete à espuma da qual Afrodite teria nascido. É importante mencionar que muitos historiadores ainda veem com desconfiança essa associação de Afrodite com o termo aphrós.

Crédito de imagem

[1] Ekaterina Malskaya / Shutterstock

Por: Daniel Neves Silva

Artigos relacionados

A religião na Grécia Antiga

A religião na Grécia Antiga incorporou a mitologia grega como forma de transmitir ao povo grego mensagens e ensinamentos importantes.

Apolo

Acesse o texto para saber quem foi Apolo. Veja as principais histórias que envolvem esse deus grego conhecido como deus do Sol.

Ares

Acesse o texto e saiba mais sobre Ares, deus grego da guerra. Veja como esse deus era representado na mitologia grega e como era o culto a ele.

Dioniso

Clique aqui e saiba sobre Dioniso, o tradicional deus grego conhecido como o deus do vinho. Veja como ele é mencionado nos mitos gregos.

Hera

Acesse e conheça mais sobre Hera, deusa grega. Aprenda sobre sua personalidade, seu mito, e veja como era o culto a ela.

Medusa

Clique aqui para saber detalhes sobre quem era Medusa, a górgona que foi morta por Perseu. Fique por dentro do famoso mito de sua morte.

Perséfone

Clique no link para conhecer detalhes sobre a deusa grega Perséfone. Veja como era o culto a ela e conheça a história de seu rapto por Hades.

Poseidon

Clique para acessar o texto e conhecer mais sobre Poseidon, deus dos mares e dos rios. Veja como ele aparece nos mitos gregos e como era seu culto.

Zeus

Você conhece Zeus, o principal deus da mitologia grega? Clique aqui e saiba tudo sobre ele.

Ártemis

Clique para acessar o texto e conhecer Ártemis, uma popular deusa na Grécia Antiga. Aprenda sobre ela na mitologia e sobre seu culto.