Sustentabilidade

Sustentabilidade é o princípio de utilização racional dos recursos naturais. Sua aplicação prática efetiva depende da cooperação nas esferas ambiental, social e econômica.

A sustentabilidade visa utilizar os recursos naturais de forma racional a fim de assegurar sua existência para as gerações futuras.
A sustentabilidade visa utilizar os recursos naturais de forma racional a fim de assegurar sua existência para as gerações futuras.

Sustentabilidade diz respeito à utilização dos recursos naturais sem prejuízos ao meio ambiente, respeitando o tempo de recuperação e reposição da natureza, pensando também na sua disponibilidade para gerações futuras. A aplicação desse conceito levou ao modelo de desenvolvimento sustentável. A sustentabilidade se apoia nos pilares ambiental, social e econômico, esferas das quais se busca ação e cooperação para a eficácia desse princípio.

Leia também: Recursos naturais e o desenvolvimento sustentável

Resumo sobre sustentabilidade

  • Sustentabilidade faz referência à utilização racional dos recursos naturais sem prejuízos à natureza e à sua disponibilidade para gerações futuras.

  • O desenvolvimento sustentável visa o desenvolvimento econômico, social e político em harmonia com o meio ambiente.

  • Existem três tipos de sustentabilidade, cada um apoiado em um dos pilares que sustentam esse princípio. São eles: ambiental, social e econômico.

  • A sustentabilidade é importante porque prevê o equilíbrio ambiental e a garantia de um futuro melhor para as gerações que estão por vir.

  • A educação ambiental é um dos meios de se difundir a importância da sustentabilidade e fomentar ações e práticas que caminhem no sentido do desenvolvimento sustentável.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O que é sustentabilidade?

com o passar do tempo.a adaptadidoe tenha s antiga mais a palavra propriamente dita e a ideia de conservação do meio ambiente aliada à preocupação com o futuro seja muito emboraaos princípios da ecologia e do desenvolvimento sustentável, em associaçãoEssa definição de sustentabilidade tem sido amplamente utilizada de modo a preservá-los para as gerações futuras. busca pela utilização racional dos recursos naturais se refere à O conceito de sustentabilidade

Desenvolvimento sustentável

Pode-se dizer que o desenvolvimento sustentável é o meio através do qual se coloca em prática o princípio da sustentabilidade em suas diferentes esferas. Diante disso, define-se o desenvolvimento sustentável como sendo um modelo que versa sobre o desenvolvimento econômico, social e político em conformidade com o meio ambiente e os recursos naturais.

A definição de desenvolvimento sustentável foi empregada pela primeira vez em 1987, no relatório Nosso Futuro Comum, também chamado de Relatório Brundtland, documento que foi produzido pela Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, órgão das Nações Unidas presidido pela médica norueguesa Gro Harlem Brundtland. De acordo com esse relatório, desenvolvimento sustentável traduz-se na:

“garantia de satisfação das necessidades do presente sem comprometer a habilidade das gerações futuras de satisfazer as suas próprias necessidades”.

Ainda segundo o referido documento, esse novo modelo não tem como objetivo a imposição de limites definitivos, mas sim propor determinadas restrições no contexto das tecnologias do presente, da organização social e do desenvolvimento econômico de forma a respeitar o tempo de reposição e recuperação da natureza. Somente dessa forma será possível obter o equilíbrio desejado e a garantia da manutenção de tais recursos para as gerações futuras.

Para a garantia de resultados concretos acerca desse modelo de desenvolvimento, a ONU, no contexto da Cúpula do Desenvolvimento Sustentável realizada em 2015, estabeleceu uma agenda com uma série de objetivos e metas a serem cumpridos pelos seus países-membros que ficou conhecida como Agenda 2030. Erradicação da pobreza, acesso a redes seguras de saneamento, redução da desigualdade, educação de qualidade e adoção de energia limpa estão entre algumas das responsabilidades assumidas com a adesão a esse conjunto de medidas.

  • Videoaula sobre desenvolvimento sustentável

Tipos de sustentabilidade

A sustentabilidade pode ser dividida em três diferentes tipos: ambiental, social e econômica.

  • Sustentabilidade ambiental: corresponde à preservação do meio ambiente e uso racional e equilibrado dos recursos naturais visando sua conservação para as gerações futuras.

  • Sustentabilidade social: corresponde à garantia de qualidade de vida, do bem-estar e da igualdade social aos indivíduos.

  • Sustentabilidade econômica: corresponde à adoção de um modelo de desenvolvimento econômico que preze pela harmonia com o meio ambiente e pela utilização equilibrada dos recursos provenientes da natureza, sem deixar de lado os aspectos relacionados ao desenvolvimento social.

Leia também: Conferências ambientais – reuniões em que se discutem pautas relativas à preservação

Exemplos de sustentabilidade

As ações sustentáveis envolvem diversas escalas, desde a individual até a global, pensando em políticas e atitudes que beneficiem a população do planeta de forma integral. Listamos abaixo algumas dessas ações que auxiliam na busca por um mundo mais sustentável:

  • Separação do lixo para reciclagem;

  • Emprego de formas limpas de geração de energia, como a energia solar;

  • Controle do desperdício de água e promoção de sua reutilização;

  • Uso de meios alternativos e menos poluentes de transporte;

  • Adoção de práticas de consumo consciente e utilização de produtos biodegradáveis;

  • Economia de energia elétrica;

  • Ações de reflorestamento e estabelecimento de áreas de proteção ambiental;

  • Promoção de ações visando a redução de desmatamento e queimadas;

  • Redução na utilização de combustíveis fósseis e adoção de biocombustíveis.

Grupo de pessoas que cooperam para a proteção ambiental e sustentabilidade em um parque.
Medidas e ações sustentáveis podem ser tomadas individualmente ou em conjunto, abrangendo diversas esferas políticas e sociais.

Qual é o tripé da sustentabilidade?

A sustentabilidade se dá por meio da ação conjunta efetivada no âmbito de três esferas ou pilares, que são:

  • ambiental;

  • social;

  • econômico.

Embora já se discuta hoje a existência de outras dimensões de igual importância para que se possa implementar um modelo de desenvolvimento sustentável, conforme explica o Laboratório de Sustentabilidade da Universidade de São Paulo (USP)|1|, o tripé da sustentabilidade representa as três esferas de ação indispensáveis para a aplicação desse princípio e garantia de resultados efetivos.

Importância e benefícios da sustentabilidade

Nas últimas décadas, conforme comprovam diversos estudos e relatórios produzidos por universidades, institutos e organizações, as ações antrópicas e a exploração intensiva dos recursos naturais têm acelerado a degradação da natureza e intensificado fenômenos como o aquecimento global, provocando transformações em larga escala que afetam todos os seres. Além disso, o esgotamento de fontes de energia e recursos não renováveis é uma preocupação crescente.

Diante desse cenário, as ações sustentáveis e a aplicação prática do princípio da sustentabilidade são importantes para a preservação do meio ambiente e para o uso equilibrado dos recursos da natureza, tanto os renováveis quanto os não renováveis. Os benefícios dessas ações se estendem do meio natural para a vida humana, que ganha maior qualidade e garantia de um futuro melhor para as próximas gerações. Ganha também a economia, que passa a aliar práticas ao uso de novas tecnologias produtivas e ao desenvolvimento econômico sustentável.

Leia também: Economia verde — conjunto de medidas para aliar desenvolvimento sustentável e crescimento econômico

Educação ambiental

A educação ambiental é uma das principais formas de conscientizar a sociedade sobre a importância de se adotar práticas sustentáveis e sobre os benefícios que esse novo modelo de desenvolvimento é capaz de proporcionar.

Instituída em 1999, a educação ambiental é definida pela legislação brasileira na Política Nacional da Educação Ambiental como o conjunto de processos através dos quais as pessoas constroem valores sociais, habilidades, competências e conhecimentos voltados à conservação do meio ambiente, que é considerado bem de uso comum e fundamental para a qualidade de vida e sustentabilidade. Dentre seus principais objetivos, se destacam:

  • democratização das informações sobre o meio ambiente;

  • estímulo à consciência crítica sobre a problemática ambiental;

  • incentivo à participação individual e coletiva nas ações de preservação.|2|

Exercícios resolvidos sobre sustentabilidade

Questão 1

(UEA) A sociedade ocidental consolidou, ao longo dos anos de 1990, a adoção de um novo referencial científico para se pensar a relação entre as populações humanas e o meio ambiente. Formado por conceitos provenientes da ecologia e da teoria biológica da evolução, e também influenciado pelas propostas do movimento ambientalista, esse referencial elegeu o conceito de sustentabilidade ecológica como o indicador mais importante de suas análises.

Deborah Lima e Jorge Pozzobon. “Amazônia socioambiental”. Estudos Avançados, maio/agosto de 2005.

O conceito de sustentabilidade ecológica é corretamente compreendido como

a) o estudo sobre as condições pedológicas que propiciaram o surgimento e a sustentação dos vegetais até o presente.

b) o cálculo que apresenta a quantidade de recursos a serem explorados para manter superavitárias as empresas agrícolas.

c) a capacidade de manter a integridade do meio ambiente perante a exploração de seus recursos naturais.

d) a competência dos vegetais que compõem o meio ambiente de se reproduzir e perpetuar a ocupação de uma dada área.

e) a característica do meio ambiente de se renovar perante o uso predatório de seus recursos pelo homem.

Resolução: Alternativa C. A sustentabilidade ambiental ou ecológica diz respeito ao uso consciente dos recursos naturais visando a preservação do meio ambiente.

Questão 2

(UECE) O uso irresponsável dos recursos naturais do planeta pode afetar de forma drástica as gerações presentes e futuras dos seres humanos. Em função da ecoeficiência, há a alternativa da sustentabilidade para que tenhamos disponíveis, no presente e no futuro, os recursos naturais não renováveis. O uso de recursos renováveis como energias alternativas é uma das ações que podem melhorar nossa qualidade de vida. Ao se falar em sustentabilidade, o seguinte tripé sustenta seu conceito:

a) economia, energia e sociedade.

b) meio ambiente, saúde e economia.

c) saúde, sociedade e energia.

d) meio ambiente, sociedade e economia.

Resolução: Alternativa D. O princípio da sustentabilidade se sustenta sobre três pilares, que são o meio ambiente, a sociedade e a economia.

Notas

|1| LASSU. Pilares da sustentabilidade. LASSU – USP, [s.d.]. Disponível aqui. Acesso em 17 set. 2021.

|2| BRASIL. Lei nº 9.795, de 27 de abril de 1999. Dispõe sobre a educação ambiental, institui a Política Nacional de Educação Ambiental e dá outras providências. Brasília, DF, 27 abril de 1999. Disponível aqui. Acesso em 17 set. 2021.

Por: Paloma Guitarrara

Artigos relacionados

Conferências ambientais

Saiba mais sobre as principais conferências ambientais. O texto a seguir irá auxiliá-lo no entendimento do que são esses encontros, quais são suas motivações e por que eles são necessários. Veja também como surgiu o termo “desenvolvimento sustentável” e como essa prática é debatida nas conferências.

Economia verde

Entenda o que é a economia verde, quais sãos os seus objetivos e as críticas direcionadas a esse conceito.

Ibama

Você sabe o que é Ibama? Clique aqui, entenda o que é essa sigla, e conheça o importante papel desse instituto na preservação do meio ambiente.

O que é desenvolvimento sustentável

Clique aqui e conheça mais sobre desenvolvimento sustentável, um termo que vem sendo muito empregado.

Recursos naturais

Entenda o que são recursos naturais, seus tipos e como podem ser usados. Veja também os recursos naturais do Brasil.

Recursos naturais e desenvolvimento sustentável

A relação entre os tipos e características dos recursos naturais e a política de sustentabilidade.

Rotação de culturas

Saiba mais sobre a rotação de culturas, técnica agrícola que se baseia no revezamento ordenado e planejado de diferentes culturas.