Acordos Transnacionais

Os países não desenvolvem suas atividades de forma isolada, até porque sempre se faz necessário buscar matéria-prima e tecnologias fora dos limites territoriais, há tempos as nações conduzem suas relações comerciais entre si, principalmente através das exportações e importações.

Esse processo se intensificou de forma mais efetiva a partir da década de 90, que ficou marcado pela imensa quantidade de acordos firmados, apresentando-se como uma nova etapa que jamais havia sido praticada com tanta importância em âmbito global.

Os acordos promoveram uma aceleração no processo de globalização que o mundo vem atravessando nos últimos vinte anos. Com as parcerias e a flexibilização do mercado ocorreu uma intensa circulação de informação e tecnologias, diminuindo as distâncias entre os países. A globalização pode ser considerada como uma integração de caráter econômico, social, cultural, tecnológico, é impulsionada pelas evoluções ocorridas no campo das telecomunicações que favoreceram a comunicação de pessoas e mercado, diante disso um investidor pode empregar seu capital em distintos lugares do mundo através de apenas um computador.

Existem acordos internacionais ligados a diversos temas e assuntos, no entanto, os que mais se destacam estão ligados aos fatores econômicos, como os blocos econômicos, que variam de acordo com os interesses e necessidades dos países envolvidos, a partir dessas considerações as principais características dos acordos são:

Zona de Livre Comércio: corresponde a um nível de acordo que visa estabelecer tarifas tributárias comuns a todos integrantes do mesmo, essas podem sofrer variações gradativas ou serem retiradas.

União Aduaneira: representa um estágio mais avançado de acordo econômico em que todos os membros praticam uma única taxa de tributos para produtos oriundos de outras nacionalidades.

Mercado Comum: pratica a isenção parcial ou total de tributos entre os integrantes para circulação de bens, serviços, capitais e que estabelece uma tarifa uniforme para os produtos importados de países que não integram o bloco, outra característica intrínseca a esse modelo é o trânsito de pessoas entre as nações inseridas.

A União Econômica e Monetária se mantém como o estágio mais avançado de acordos, nesse além de possuir todos os aspectos apresentados acima adota uma moeda única para circulação entre os membros.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Confira nossa subseção e conheça as características dos principais blocos econômicos do planeta!

Principais blocos econômicos

Por: Eduardo de Freitas

Artigos de Acordos Transnacionais

ALCA

ALCA, o que é ALCA, quais países participam da ALCA, o objetivo da ALCA, a situação atual da ALCA.

APEC

As características do bloco econômico mais dinâmico na atualidade.

ASEAN

ASEAN, Associação das Nações do Sudeste Asiático, subcontinente, Ásia, Guerra do Vietnã, Japão, União Europeia, Jacarta, Indonésia, Malásia, Filipinas, Cingapura, Tailândia, Brunei, Vietnã, Mianmar, Laos, Camboja, tarifas alfandegárias, Papua - Nova Guiné, nação, Timor-Leste, Tigres Asiáticos.

Caricom

Caricom, bloco econômico formado por países do Caribe e do norte da América do Sul.

Comunidade Andina

Bloco Econômico Formado por Bolívia, Colômbia, Equador e Peru.

Comunidade dos Estados Independentes

A formação de um bloco entre os países da extinta URSS.

Etapas de formação da União Europeia

Entenda as diferentes etapas evolutivas do processo de formação da União Europeia.

Mercosul

Conheça a origem, o funcionamento e as principais características do Mercosul, o Mercado Comum do Sul.

Nafta

O Nafta e suas principais características nos planos econômico e comercial.

Organização dos Estados Americanos (OEA)

Entenda o que é a OEA. Saiba quem são seus membros e conheça suas funções. Resolva também exercícios sobre o tema.

SADC

SADC — bloco econômico formado por países sul-africanos.

União Européia

União Européia: o que é União Européia, quem participa da União Européia, quais são os objetivos da União Européia.

Zona do Euro

Compreenda o que é a Zona do Euro e veja quais são os seus países integrantes.