Contribuições de James Prescott Joule

James Prescott Joule foi um físico britânico nascido em 1818. Uma de suas contribuições para a ciência foi a relação entre corrente elétrica e calor.

James Prescott Joule foi um importante físico britânico. Nascido em 1818, em Salford, Joule era filho de um grande cervejeiro e sempre estava interessado no funcionamento das máquinas que constituíam a estrutura da cervejaria. A sua educação básica foi feita por meio de aulas particulares, e um de seus professores foi o ilustre químico inglês John Dalton.

A ciência era um passatempo na vida de Joule. Ao longo de sua vida, o cientista sofreu certos preconceitos e era considerado amador. No entanto, ele deu grandes contribuições à ciência, principalmente com relação à transformação da energia, bem como a relação entre corrente elétrica e calor.

Contribuições para a ciência de Joule

Energia mecânica e calor

A experiência mais famosa de Joule foi a que demonstrou a transformação de energia mecânica em calor. Até o início do século XIX, as ideias relacionadas com a transformação e a manifestação da energia eram divergentes. O experimento de Joule provou que a energia mecânica poderia ser convertida em calor.

A imagem acima retrata o aparato experimental utilizado por Joule. Por meio de fios e roldanas, os pesos eram conectados às pás. Com a queda dos pesos, as pás eram giradas dentro de um recipiente com água. O movimento da água produziu aquecimento, que foi indicado por um termômetro acoplado ao sistema. Pelo aquecimento, pôde-se compreender que a energia potencial gravitacional foi convertida em calor.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Efeito Joule

Também chamado de lei de Joule, esse efeito mostrou a relação entre o calor gerado e a passagem da corrente elétrica por um material. A explicação para o calor gerado era o atrito entre os portadores de carga que constituíam a corrente elétrica e os elementos que constituíam o material.

Q = i2.R.Δt

A equação acima mostra que o calor gerado (Q) é proporcional ao quadrado da intensidade da corrente elétrica (i), do valor da resistência do material (R) e do tempo de duração da passagem da corrente (t).

Resistências de chuveiros e o aquecimento de ferros de passar roupas são exemplos de aplicações do efeito Joule.

Lei de Joule para os gases perfeitos

Em união com o físico William Thomson (Lord Kelvin), Joule realizou experimentos relacionados com a Termodinâmica. Juntos os dois cientistas definiram que a variação da energia interna de um gás era diretamente proporcional à temperatura absoluta do gás.

ΔU = 3.N.R.T

Nessa equação, temos:

ΔU = Variação da energia interna;
N = Número de Mol;
R = Constante universal dos gases;
T = Temperatura.

James P. Joule morreu em 1889, aos 70 anos de idade. Após a sua morte, o Sistema Internacional de Unidades (SI) nomeou, em sua homenagem, a unidade referente à energia de joule (J).

*Crédito das imagens: Neveshkin Nikolay / Shutterstock.com

As principais contribuições de Joule estão relacionadas com as possíveis transformações de energia *

As principais contribuições de Joule estão relacionadas com as possíveis transformações de energia *

Por: Joab Silas da Silva Júnior

Artigos relacionados

James Watt

Conheça a história e as contribuições de James Watt, engenheiro escocês que desenvolveu a máquina a vapor.

Thomas Edison

Clique aqui e conheça a história de Thomas Alva Edison, inventor estadunidense responsável pela criação da lâmpada incandescente.

O Efeito Joule

O efeito joule pode ser percebido no chuveiro elétrico. Clique e entenda!

Joule

Clique aqui e conheça o legado deixado por James Prescott Joule!

Efeitos da corrente elétrica

Veja aqui quais são os principais efeitos da corrente elétrica quando percorrida por condutores elétricos.

Energia Potencial Gravitacional e Elástica

Estudando a energia potencial gravitacional e a energia potencial elástica