Conhecendo os termômetros

Sabemos que a temperatura de um objeto indica o grau de agitação térmica de suas partículas. O instrumento que fazemos uso para determinar o valor da temperatura de um corpo é denominado termômetro. Termômetro é uma palavra de origem grega e seu funcionamento baseia-se na Lei Zero da Termodinâmica.

Quando queremos determinar o valor da temperatura de um objeto, é necessário colocarmos em contato com o objeto o termômetro até que se atinja o equilíbrio térmico, isto é, até que a temperatura do conjunto (termômetro + objeto) fique igual. Quando isso ocorre, dizemos que ambos estão com a mesma temperatura e tal temperatura pode ser verificada no termômetro.

Em um termômetro, dizemos que suas principais características são sua faixa de medida, bem como sua precisão em determinar a temperatura e sua massa. A precisão de um termômetro está relacionada com a máxima e mínima temperatura que ele pode medir. Já a precisão de um termômetro está relacionada com o menor intervalo de temperatura que ele consegue distinguir. A massa de um termômetro deve ser, necessariamente, menor do que a massa do corpo que se quer saber a temperatura.

Quando o termômetro é posto em contato com o objeto, ambos irão mudar suas temperaturas até chegarem ao equilíbrio térmico. Portanto, podemos dizer que quanto maior for a massa do termômetro, maior será a variação da temperatura induzida no objeto pelo termômetro.

Existem diferentes tipos de termômetros, abaixo traremos alguns deles.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Termômetros de álcool ou de mercúrio

O termômetro de mercúrio é facilmente encontrado nas farmácias. Ele baseia-se na dilatação volumétrica

Esses dois tipos de termômetros baseiam-se, para medir a temperatura de um objeto, na dilatação volumétrica de líquidos. O mercúrio, metal que é líquido à temperatura ambiente e que possui um grande coeficiente de dilatação volumétrica, é muito usado nos termômetros clínicos, isto é, termômetros que encontramos em farmácias.

Termômetro com lâminas bimetálicas

Esses termômetros usam como sensor de temperatura uma placa constituída por duas lâminas de diferentes metais coladas uma na outra. Quando ambas são aquecidas, os metais dilatam-se diferentemente, curvando a placa.

Exemplos de termômetros de lâminas bimetálicas. Nesse tipo de termômetro, uma lâmina dilata mais que a outra

Termômetros elétricos e eletrônicos

Esses termômetros determinam a temperatura através de variações de suas características elétricas. Os sensores mais simples são os que fazem uso de um resistor cuja resistência varia com a temperatura.

Termopares

Os termopares têm grande utilização industrial, pois medem a temperatura dos fornos de fundição de metais e vidros. Os termopares são constituídos por dois fios de metais diferentes soldados nas suas pontas, essa junção, ao ser aquecida, gera uma corrente elétrica que depende da temperatura.

Termômetro usado para medir a temperatura ambiente

Termômetro usado para medir a temperatura ambiente

Por: Domiciano Correa Marques da Silva