Como funciona a correção da redação do Enem

A redação do Enem tem um peso considerável em relação ao Exame e é preciso entender claramente as suas características e exigências. O tipo textual cobrado, o que a redação deve conter e, principalmente, o tema do texto a ser desenvolvido são alguns dos questionamentos de quem está se preparando para o Exame.

Outra questão que gera bastante dúvida diz respeito à correção da redação. Afinal de contas, como funciona a correção da redação do Enem? 

A redação do Enem já foi motivo de muitas polêmicas e, por conta disso, a sua correção foi ficando mais rígida com o passar das edições.

Para aprimorar e mudar a imagem do Enem, desde 2013 a correção da redação passou a exigir algumas competências que são apresentadas na Cartilha do Participante. São as chamadas cinco competências que são avaliadas pelos corretores.

As competências linguísticas da redação do Enem são os parâmetros utilizados para a composição da nota final da redação. 

As cinco competências avaliadas

Vamos saber quais são as cinco competências avaliadas pelos corretores? 

1) Domínio da norma-padrão da língua escrita: nesta competência será avaliado o seu conhecimento no que diz respeito à Gramática da Língua Portuguesa. Utilizar a norma padrão culta, ter cuidado na pontuação, na ortografia e, principalmente, na concordância são fundamentais.

2) Compreensão do tema: o Enem avalia nesta competência o seu nível de compreensão sobre a proposta da redação. Portanto, antes mesmo de iniciar a organização de suas ideias, é importante que você entenda o tema que deverá trabalhar. 

3) Seleção e organização das informações: aqui o avaliador da redação do Enem quer ver a sua argumentação no que diz respeito ao tema em que está escrevendo. A forma com que organiza seus argumentos de modo que fiquem compreensíveis, claros e objetivos. A competência avalia a sua utilização de fatos concretos e que apresentem fundamentos.

4) Demonstração de conhecimento da língua necessária para argumentação do texto: nesta competência se faz necessário interligar a lógica dos argumentos do autor com a coerência textual

5) Elaboração de uma proposta de solução para os problemas abordados, respeitando os direitos humanos: o Enem busca na avaliação da redação que o candidato seja um  leitor crítico, bem como um cidadão consciente. É muito importante que no texto sejam expostas propostas que mudem positivamente a vida de determinada população. Contudo, a elaboração de propostas que desrespeitem os valores humanos ou a diversidade social e cultural não são permitidas, fazendo com que você perca pontos no seu texto, caso elas estejam presentes. 

Como é feita a correção da redação?

Realizada por dois avaliadores, a correção da redação do Enem leva em conta o desempenho do participante em cada uma das cinco competências, as quais recebem nota entre 0 e 200 pontos.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Ao final, é feita uma média aritmética desse total de pontos para se chegar à nota. Esta poderá chegar até 1000, caso os dois corretores atribuam 200 pontos nas cinco competências.

Durante o processo de correção, os dois avaliadores não têm contato com a nota dada pelo outro. Havendo uma diferença maior que 80 pontos em uma das competências ou maior que 100 pontos na soma final, a correção da redação vai para um terceiro avaliador.

Não havendo um consenso entre o terceiro corretor e os dois demais, a redação será corrigida por uma banca examinadora, formada por três professores e estes darão a nota final.

O que zera a redação do Enem

A fuga total ao tema ou a elaboração de um texto que não seja dissertativo-argumentativo estão entre os motivos em que podem zerar uma prova de redação no Enem. Ela também precisa ter entre 7 e 30 linhas. Textos que não cumpram com esse limite será zerado pelo corretor.

A redação do Enem não exige título, até porque quem criá-lo perderá uma linha para escrever o texto. Deixar a redação em branco, mesmo com texto em rascunho, é outro motivo que zera a prova de redação.

Veja os motivos que zeram a redação do Enem

- Fuga total ao tema;
- Não obediência à estrutura dissertativo-argumentativa;
- Redação em branco ou com menos de 7 linhas;
- Redação em branco;
- Cópia integral dos textos da prova de redação e/ou do caderno de questões;
- Impropérios, desenhos, assinatura, sinais gráficos fora do texto e outras formas propositais de anulação;
- Parte deliberadamente desconectada do tema proposto;
- Texto predominante ou integralmente em língua estrangeira.

Redação nota 1000

O desejo de todo participante do Enem é alcançar a tão sonhada nota máxima na redação, principalmente no caso daqueles estudantes que concorrem a cursos mais disputados. Mas apenas alguns poucos, dentre os milhões de inscritos no Exame anualmente, conseguem a nota 1000.

O participante que conseguir esta proeza em sua nota na redação terá o seu texto encaminhado para a banca examinadora, após a correção dos primeiros corretores. Somente após essa avaliação é que será confirmada a nota 1000.

E uma informação importante: não é possível solicitar revisão de nota da redação do Enem. Todos os participantes têm acesso ao espelho da redação 60 dias após o resultado, mas apenas para fins pedagógicos.

Por: Érica Caetano

Artigos relacionados

Temas da Redação do Enem

Veja todos os temas da redação do Enem e entenda como é feita a escolha deles. Saiba como se preparar para sair bem em todos os temas da redação.