Hades

Hades foi o deus do submundo para os gregos antigos. Estes o temiam profundamente e evitavam mencionar o seu nome, preferindo chamá-lo por seus epítetos.

Ilustração de Hades flutuando sobre as almas no submundo
Hades era o deus do submundo para os gregos antigos.

Hades foi um importante deus da mitologia grega, o conjunto de histórias pertencente à religiosidade dos gregos antigos. Era o deus do submundo e, como tal, seu papel era impedir que os vivos entrassem nesse local e que os mortos saíssem dele. Para isso, contava com a ajuda de seu cão de três cabeças, Cérbero.

Hades era filho de Cronos e Reia, e foi resgatado por Zeus, o único de seus irmãos que não havia sido devorado pelo pai. Depois da derrota de Cronos, Hades recebeu o submundo como seu domínio e lá viveu. Casou-se com Perséfone, deusa da agricultura e da vegetação, após raptá-la em uma pradaria na Sicília.

Leia mais: Apolo — um dos deuses mais venerados da Grécia Antiga

Resumo sobre Hades

  • Hades era o deus do submundo para os gregos antigos.

  • Era filho de Cronos e Reia, foi devorado por seu pai e resgatado por seu irmão, Zeus.

  • Era sua responsabilidade impedir que os vivos entrassem no submundo e que os mortos saíssem dele.

  • Raptou Perséfone, deusa da vegetação e da agricultura, ao vê-la colhendo flores em uma pradaria.

  • Os gregos temiam pronunciar o nome dele.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quem foi Hades

Hades foi um importante deus da religiosidade grega antiga e era o guardião do submundo, para onde iam os mortos nessa cultura. Os gregos usavam o nome do deus para referir-se a esse local, conhecido também como Hades portanto.

Esse deus tinha como propósito impedir que as almas dos mortos abandonassem o submundo e retornassem ao mundo dos vivos. Os gregos o temiam bastante e usavam termos como “impiedoso” e “monstruoso” para se referirem a ele, evitando chamá-lo pelo nome.

Nesse sentido, muitos se valiam de epítetos, como:

  • Eubuleu: referente à sua qualidade de bom conselheiro.

  • Isódeter: referente à forma imparcial com que ele tratava a todos.

  • Ctônio: referente ao seu controle do submundo, “Zeus do submundo”.

No submundo, Hades tomava conta das almas dos mortos até que elas fossem julgadas de acordo com suas ações em vida. As pessoas boas e virtuosas iriam para os Campos Elísios, lugar agradável e entendido como um paraíso. As más pessoas eram condenadas ao Tártaro, local de sofrimento eterno.

Para entrar no Hades, era necessário atravessar vários rios, dos quais o principal era o Estige. Essa travessia era feita pelo barqueiro Caronte, que cobrava pela viagem. Além disso, Hades contava com um ajudante: Cérbero, um cão de três cabeças que impedia que os vivos entrassem no submundo e que os mortos saíssem dele.

Hades também ficou conhecido por possuir um elmo (fabricado por Hefesto, deus da metalurgia) que lhe dava o poder da invisibilidade.

Leia mais: Afrodite — deusa grega da fertilidade, da sexualidade e da beleza

Origem de Hades

Hades era filho de Cronos e Reia, um casal de titãs. Cronos era o comandante do Universo e também ficou conhecido por devorar os seus filhos. Isso acontecia porque ele havia recebido uma profecia de que seria destronado por um deles.

Isso causava grande temor nele porque o próprio havia destronado seu pai, Urano, e via a possibilidade de que o mesmo acontecesse consigo. Quando Zeus nasceu, Reia estava cansada de ver os seus filhos devorados e agiu para enganar o marido, fazendo-o pensar que ele havia engolido o seu filho.

Zeus foi salvo por sua mãe, cresceu em segurança, e, quando adulto, retornou para resgatar os seus irmãos. Zeus fez com que Cronos vomitasse todos os filhos devorados (eles cresceram saudáveis no ventre do pai porque eram imortais), e, assim, Hades, Poseidon, Héstia, Hera e Démeter foram salvos.

Após isso, uma guerra foi iniciada entre os deuses e os titãs, sendo esse conflito conhecido como Titanomaquia. Posteriormente, os deuses tiveram de lutar contra os gigantes na Gigantomaquia. Os dois conflitos foram vencidos pelos deuses, que se estabeleceram como os mais poderosos do Universo.

Hades, Zeus e Poseidon dividiram entre si os domínios do submundo, das águas e dos céus, e ficou atribuído a Hades o primeiro domínio. Hades não era um deus olímpico porque esse título pertencia aos deuses que residiam no Monte Olimpo, e ele vivia no submundo.

Hades e Perséfone

Ilustração do rapto de Perséfone
Hades sequestrou Perséfone, deusa da agricultura, ao avistá-la colhendo flores em uma pradaria na Sicília.

Uma história bastante conhecida de Hades é a do rapto de Perséfone, deusa da vegetação e da agricultura. Essa história se iniciou quando o deus deixou o submundo para verificar como andava a guerra dos deuses contra os gigantes. Nesse momento, ele foi atingido por uma flecha de Eros, deus do amor.

Após isso, Hades avistou Perséfone, filha da deusa Deméter. Perséfone estava em uma pradaria na Sicília colhendo flores. Hades decidiu então raptá-la e levá-la à força para o submundo. Algumas versões desse mito apontam que Hades contou com a ajuda de Zeus para o ato.

Assim Perséfone foi obrigada a se casar com Hades, o que deixou Deméter em desespero. A mãe de Perséfone pediu a intervenção de Zeus, que aceitou negociar com Hades a devolução da filha. A condição para que Perséfone retornasse em definitivo para sua mãe foi que ela não tivesse consumido nenhum alimento do submundo.

Acontece que Perséfone havia comido alguns grãos de romã, e isso impossibilitou seu retorno completo. Assim, a solução encontrada foi chegar a um acordo que determinou que Perséfone passaria metade do ano com sua mãe e a outra metade com seu marido. Outras versões falam que ela ficaria apenas um terço do ano no submundo.

Videoaula sobre Grécia Antiga: religião

Por: Daniel Neves Silva

Artigos relacionados

A religião na Grécia Antiga

A religião na Grécia Antiga incorporou a mitologia grega como forma de transmitir ao povo grego mensagens e ensinamentos importantes.

Hera

Acesse e conheça mais sobre Hera, deusa grega. Aprenda sobre sua personalidade, seu mito, e veja como era o culto a ela.

Medusa

Clique aqui para saber detalhes sobre quem era Medusa, a górgona que foi morta por Perseu. Fique por dentro do famoso mito de sua morte.

Perséfone

Clique no link para conhecer detalhes sobre a deusa grega Perséfone. Veja como era o culto a ela e conheça a história de seu rapto por Hades.

Zeus

Você conhece Zeus, o principal deus da mitologia grega? Clique aqui e saiba tudo sobre ele.