Convecção térmica

No estudo de termologia é importante ter o conceito de calor na ponta da língua. Sabe-se que calor é a transferência de energia de um objeto ou sistema para outro, em razão da diferença de temperatura entre eles, portanto temos que ficar atentos à diferença entre calor e temperatura.

Quando colocamos água em uma vasilha para esquentá-la na chama do fogão, com o passar do tempo podemos ver a formação de bolhas no fundo da panela. A água que está no fundo, aquecida pelo contato com o fundo quente da panela, tem seu volume aumentado, torna-se menos densa e sobe. Simultaneamente, seu lugar é ocupado pela água mais fria, que estava acima dela. Assim, formam-se correntes de circulação no interior do líquido, denominadas correntes de convecção.

Conforme passa o tempo, percebemos que toda a água da panela é aquecida. Sendo assim, o movimento produzido pelas correntes de convecção não deve ser confundido com a turbulência que acontece durante a ebulição da água ou de outro líquido qualquer.

Outro exemplo que podemos citar, e que diariamente acontece, é o movimento do ar na atmosfera: o vento, que nada mais é do que o resultado das correntes de convecção. Como as temperaturas variam muito durante o dia, os ventos são diferentes nas várias regiões do planeta. O vento constante das regiões próximas ao equador, por exemplo, ocorre porque o Sol aquece mais a superfície da Terra nessas regiões, fazendo com que o ar fique menos denso e suba. O ar frio dos polos, mais denso, move-se próximo à superfície terrestre para ocupar o lugar do ar que subiu.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Quando colocamos um aquecedor numa sala, por exemplo, o ar aquecido sobe e provoca a formação de correntes de convecção. Os condicionadores de ar, por sua vez, devem ser instalados na parte superior das paredes, porque lançam ar frio pela parte de cima. Esse ar, mais denso, desce, enquanto o ar mais quente desloca-se para cima, formando as correntes de convecção, que refrigeram o ambiente.

O mesmo processo resfria o interior da geladeira: o congelador é colocado na parte de cima e as prateleiras são vazadas para facilitar o deslocamento das correntes de convecção.

A transferência de energia por convecção é uma característica de materiais fluidos, líquidos e gases.

Aproveite para conferir a nossa videoaula relacionada ao assunto:

A movimentação do ar no interior da geladeira, pelas correntes de convecção, mantém sua temperatura baixa

A movimentação do ar no interior da geladeira, pelas correntes de convecção, mantém sua temperatura baixa

Por: Domiciano Correa Marques da Silva

Artigos relacionados

Calor e Temperatura

As diferenças básicas entre Calor e Temperatura.

Condução térmica

Você sabe o que é e como ocorre a condução térmica? Confira o que significa, exemplos, fórmula e exercícios resolvidos.

Correntes de convecção da Terra

Entenda o que são as correntes de convecção da Terra e como elas interferem na movimentação das placas tectônicas do nosso planeta.

Garrafa térmica

Saiba por que uma garrafa térmica conserva a temperatura de líquidos em seu interior.

Irradiação térmica

Irradiação térmica: veja aqui como é possível transferir energia sem que haja um meio material.

Processos de transmissão de calor

A transferência de calor pode ocorrer de três maneiras: condução, convecção e irradiação.

Três erros cometidos em Termologia

Clique aqui e descubra quais são os três erros mais cometidos no estudo da Termologia. Fique por dentro e destaque-se em processos seletivos!