<

Escarlatina

Um dos sintomas da escarlatina é a presença de manchas no rosto
Um dos sintomas da escarlatina é a presença de manchas no rosto

A escarlatina é uma doença infecciosa e contagiosa causada pela bactéria Estreptococo beta-hemolíticodo grupo A. Doença comum entre crianças com idade escolar, a bactéria que provoca a escarlatina é a mesma que provoca a amigdalite, artrite, pneumonia, endocardite e algumas infecções cutâneas. O aparecimento da escarlatina na pessoa não depende da ação direta do estreptococo, mas de uma alergia às toxinas produzidas pela bactéria. Por isso, essa bactéria pode provocar doenças diferentes em cada indivíduo que infecta.

Essa doença pode ser acompanhada por uma amigdalite ou por complicações de uma faringite, e caracteriza-se pelo aparecimento de feridas na pele, dor de garganta, febre, pulso acelerado, abatimento e perda do apetite. A transmissão da escarlatina se dá pelo contato direto com a saliva ou secreção nasal de uma pessoa doente.

Os sintomas da escarlatina são:

  • Falta de apetite;
  • Náuseas e vômitos;
  • Dor no corpo, na cabeça, de barriga e na garganta;
  • Mal-estar;
  • Febre alta;
  • Papilas gustativas inchadas e arroxeadas com aspecto de framboesa (língua em framboesa);
  • Erupções cutâneas a partir do segundo dia da doença, começando com erupções no pescoço e tronco, progredindo em direção ao rosto e membros.

As erupções de cor vermelha que aparecem na pele são pequenas e conferem à pele uma textura áspera. Têm maior intensidade na face, nas axilas e na virilha, não aparecendo ao redor da boca.  

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O diagnóstico da escarlatina é feito por meio de exame clínico do paciente com coleta de material para exames laboratoriais. É importante que se faça um rápido diagnóstico da doença, para que o tratamento seja iniciado o quanto antes, evitando, assim, complicações da doença, como a meningite, febre reumática e glomerulonefrite (lesão do rim que pode evoluir para insuficiência renal).

O tratamento da escarlatina é feito com o uso de penicilina, que elimina as bactérias e evita as complicações da doença. Em pacientes que são alérgicos à penicilina, o medicamento recomendado é a eritromicina.

Por: Paula Louredo Moraes

Artigos relacionados

Botulismo

Botulismo, Doença, Bactérias, Clostridium botulinum, Intoxicação, Sistema nervoso, Contaminação, Contágio, Consumo de alimentos, Conservas artesanais, Produtos industrializados, Enlatados, Microorganismos patogênicos, Parada respiratória, Infectologia.

Cáries

Você sabe o que propicia o aparecimento da cárie e quais são as medidas de prevenção contra ela? Confira aqui!

Sepse

A sepse é um dos maiores problemas de saúde pública mundial. Apresenta difícil tratamento e alta taxa de mortalidade. Saiba mais sobre esse tema lendo nosso texto.

Tuberculose

Saiba mais sobre a tuberculose clicando aqui. Neste texto abordaremos o que é a tuberculose, suas causas, seus sintomas e seu tratamento.