Coração dos vertebrados

O coração dos vertebrados apresenta diferenças anatômicas que permitem diferenciá-los. Enquanto peixes possuem coração com duas cavidades, mamíferos possuem coração com quatro.

O coração é o órgão do sistema cardiovascular responsável por bombear o sangue para as diversas partes do corpo. Todos os vertebrados possuem coração, entretanto, esse órgão apresenta diferenças anatômicas de um grupo para outro. A seguir listaremos as principais características encontradas no coração dos peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos, os principais grupos de vertebrados.

Peixes

Os peixes apresentam um coração muito primitivo, com apenas um átrio e um ventrículo. Nesses animais, a circulação é simples, pois o sangue passa apenas uma vez pelo coração para completar um circuito completo.

Nos peixes, o sangue segue um sentido único: coração, brânquias, corpo, coração. O sangue entra pelo átrio, segue em direção ao ventrículo, é bombeado em direção às branquias, onde é oxigenado, e é transportado posteriormente para o corpo do animal, retornando depois ao coração.

Anfíbios

Nos anfíbios, observa-se o surgimento de mais uma cavidade. O coração apresenta três câmaras, dois átrios e um ventrículo. Em virtude dessa divisão interna, pode ocorrer a comunicação entre o sangue rico em gás carbônico e o rico em oxigênio na região do ventrículo. A tendência, no entanto, é que os diferentes tipos de sangue não se misturem.

Diferentemente dos peixes, nos anfíbios, a circulação é dupla, pois passa duas vezes pelo coração para completar o circuito. O sangue segue no sentido: coração, órgão respiratório, coração, corpo.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Observe a diferença anatômica entre o coração dos diferentes vertebrados
Observe a diferença anatômica entre o coração dos diferentes vertebrados

Répteis

Nos répteis, o coração apresenta diferenças dentro do próprio grupo. Em répteis não crocodilianos, há dois átrios e um ventrículo parcialmente septado, proporcionando a comunicação entre as cavidades. Já nos répteis crocodilianos, há dois átrios e dois ventrículos, os quais estão completamente separados. Nos répteis, ocorre o encontro de sangue rico em oxigênio com o sangue rico em gás carbônico. Esse encontro acontece no ventrículo de animais não crocodilianos e no tronco arterial em crocodilianos.

Em répteis, a circulação é dupla, como nos anfíbios. O circuito realizado pelo sangue é coração, corpo, coração, pulmão.

Aves e mamíferos

Em aves e mamíferos, o coração apresenta quatro cavidades completamente separadas, sendo dois átrios e dois ventrículos. O coração das aves e dos mamíferos, portanto, não possui características que proporcionam o encontro entre os diferentes tipos de sangue. Enquanto no átrio e ventrículo esquerdos, há apenas sangue rico em oxigênio, do lado direito, o sangue é rico em gás carbônico.

A circulação de aves e mamíferos é dupla, assim como em anfíbios e répteis. O circuito realizado pelo sangue é o seguinte: coração, corpo, coração, pulmão.

O coração humano, como o de outros mamíferos, possui quatro cavidades

O coração humano, como o de outros mamíferos, possui quatro cavidades

Por: Vanessa Sardinha dos Santos

Artigos relacionados

Coluna vertebral

Aprenda um pouco mais sobre a coluna vertebral, um eixo importante do nosso corpo formado pelas vértebras.

Anfioxo

Conheça mais sobre o anfioxo, um animal marinho que compõe o grupo mais basal dos cordados atuais.

Anatomia do coração

Amplie seus conhecimentos sobre a anatomia do coração, órgão que impulsiona o sangue pelo corpo.