Cacau

O cacau é um fruto muito cultivado no Brasil devido à sua importância econômica. Conhecido principalmente por ser matéria-prima para a fabricação do chocolate, é um alimento muito benéfico à nossa saúde, apresentando, entre outros benefícios, a função cardioprotetora. O Brasil está entre os maiores produtores de cacau, junto com países como Costa do Marfim, Gana, Indonésia, Nigéria, Camarões, Equador e Papua-Nova Guiné. No território brasileiro, a maior produção de cacau está localizada na Bahia e no Pará.

Leia também: Fruta ou fruto?

Características do cacau 

O cacau é o fruto do cacaueiro (Theobroma cacao). Ele apresenta cerca de 20 cm, é sulcado e possui uma coloração variada, a qual é influenciada pelo grau de amadurecimento do fruto e variedade da espécie. De maneira geral, sua coloração varia do verde ao roxo e do amarelo ao laranja.

Além disso, ele presenta sementes de formato elipsoide a ovoide, com cotilédones que podem apresentar coloração de violeta à branca a depender da variedade analisada. Essa coloração está relacionada com a presença de alguns compostos fenólicos. A semente do cacau é envolvida por uma polpa branca, que é muito apreciada pelo seu sabor adocicado.

 O cacau apresenta coloração variada a depender da espécie e estágio de amadurecimento.
O cacau apresenta coloração variada a depender da espécie e estágio de amadurecimento.

Tipos de cacau

O cacau apresenta três variedades:

  • forasteiro;

  • criollo;

  • trinitário.

Veja o quadro a seguir com as principais características de cada variedade.

Variedades de cacau

Cacau Forasteiro

Cacau Criollo

Cacau Trinitário

  • Apresenta cotilédones de cor violeta intenso.

  • Possui grande quantidade de compostos fenólicos.

  • Produz um chocolate com sabor mais amargo e adstringente.

  • É o tipo mais comercializado em todo o mundo.

  • É conhecido como cacau “tipo básico”.

  • Apresenta cotilédones com coloração branca ou violeta-claro.

  • Produz um chocolate com sabor suave e frutado.

  • É conhecido como “cacau fino”

  • Mais vulnerável a doenças que o forasteiro.

  • Apresenta cotilédones que variam de amarelo-pálido aoroxo-escuro.

  • Resultado do cruzamento da variedade forasteiro e criollo.

  • Produto de qualidade intermediária.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Importância econômica do cacau

O cacau apresenta grande importância econômica. Além da produção de chocolate, um produto apreciado em todo o mundo, a semente de cacau é utilizada, por exemplo, para produzir cacau em pó e manteiga de cacau. Essa última é utilizada não só para a alimentação, mas também na indústria farmacêutica e na fabricação de cosméticos.

Além disso, não é apenas a semente do cacau que é utilizada, a polpa é usada também na produção de geleias, licores, vinhos e sucos e se destaca pelo seu sabor adocicado. O cacau é também utilizado na fabricação de alimento para o gado, sendo, nesse caso, a casca de cacau aproveitada como matéria-prima.

Benefícios do consumo do cacau

Alimentos ricos em cacau são muito benéficos à saúde. Muitas pessoas, no entanto, relacionam esse alimento ao chocolate e, consequentemente, ao ganho de peso, que, por sua vez, está ligado ao desenvolvimento de hipertensão e diabetes, por exemplo. Esse ganho de peso, no entanto, está normalmente associado a chocolates que apresentam grande teor de açúcar e gorduras e, portanto, não necessariamente ao cacau.

O cacau é um alimento que apresenta uma série de benefícios ao organismo.
O cacau é um alimento que apresenta uma série de benefícios ao organismo.

O cacau apresenta grande quantidade de compostos fenólicos, que estão relacionados, por exemplo, com a função cardioprotetora desse fruto. O consumo de cacau reduz a formação de coágulos, por agir diminuindo a tendência de agregação plaquetária. Além disso, o cacau possui propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias, além de prevenir dislipidemias (alterações nos níveis de lípidos no sangue).

Assim sendo, o consumo de cacau apresenta muitos benefícios ao nosso corpo. Porém, precisamos estar atentos ao que dizem as embalagens dos produtos derivados de cacau. Quanto maior o teor de cacau, mais benefícios são observados. Desse modo, ao escolher chocolate, por exemplo, dê preferência aos que apresentam 70% ou 90% de cacau em sua composição.

Leia também: Colesterol e a saúde

Cacaueiro

O cacaueiro é a árvore que produz o fruto conhecido como cacau. Ele apresenta nome científico Theobroma cacao e faz parte da família Malvaceae. No Brasil, apresenta ocorrência confirmada na Região Norte, Nordeste e Sudeste. Não é uma espécie endêmica.

Ele pode atingir cerca de 5 a 8 metros de altura e ter uma copa de 4 a 6 metros de diâmetro, quando proveniente de sementes. Quando se desenvolve em florestas, pode atingir cerca de 20 metros, devido à competição por luz com outras espécies florestais. As folhas do cacaueiro são grandes e possuem formato oval. O caule é ereto e é dele que partem ramos e flores. As flores apresentam sépalas brancas e pétalas brancas com um prolongamento amarelado. Pétalas e sépalas estão dispostas de maneira alternada na flor. As flores são hermafroditas e a polinização ocorre por insetos.

Por: Vanessa Sardinha dos Santos

Artigos relacionados

Colesterol e a saúde

Saiba mais sobre o colesterol e descubra os perigos do excesso desse lipídio em nosso corpo.

Dicas para uma alimentação saudável

Veja algumas dicas para uma alimentação saudável e melhore sua qualidade de vida.

Fruta ou fruto?

Você já se perguntou se um determinado vegetal é uma fruta ou fruto? Esses dois termos geram muita confusão e é fundamental conhecer a diferença. Clique aqui e descubra a diferença entre esses dois termos e conheça alguns importantes exemplos de frutas e frutos bastante comuns no nosso dia a dia.

Fruto

Características, importância e classificação dos frutos.

Sementes

Aprenda mais a respeito das sementes, estruturas importantes para gimnospermas e angiospermas. Neste texto, falaremos um pouco sobre a estrutura das sementes, sua importância para o vegetal, o processo de dispersão de sementes e frutos e a fase de germinação das sementes.