Diferenças entre gêneros e tipos textuais

Algumas diferenças podem ser denotadas quando nos referimos aos gêneros e aos tipos textuais e, apesar de estarem intimamente relacionados, apresentam peculiaridades.

Os gêneros e os tipos textuais estão intrinsecamente relacionados, o que torna difícil a dissociação entre as duas noções
Os gêneros e os tipos textuais estão intrinsecamente relacionados, o que torna difícil a dissociação entre as duas noções

Você já deve ter ouvido falar sobre gêneros e tipos textuais, certo? Mas será que você sabe como diferenciar essas duas noções?

Diferenciar gêneros e tipologias textuais não é tarefa fácil, contudo é importante que saibamos alguns aspectos que possam defini-los para, dessa forma, facilitar nossos estudos. Vamos então à análise:

Gêneros textuais

Os gêneros textuais são aqueles que encontramos em nossa vida diária, inclusive em nossos momentos de interação verbal. Quando nos comunicamos verbalmente, fazemos, intuitivamente, uso de algum gênero textual. Sendo assim, a língua, sob a perspectiva dos gêneros textuais, é compreendida por seus aspectos discursivos e enunciativos, e não em suas peculiaridades formais. Os gêneros privilegiam a funcionalidade da língua, ou seja, a maneira como os falantes podem dela dispor, e não seus aspectos estruturais. São inúmeros os gêneros textuais utilizados em nossas ações sociocomunicativas:

Telefonema
Carta comercial
Carta pessoal
Poema
Cardápio de restaurante
Receita culinária
Bula de remédio
Bilhete
Notícia de jornal
Romance
Edital de concurso
Piada
Carta eletrônica
Formulário de inscrição
Inquérito policial
História em quadrinhos
Entrevista
Biografia
Monografia
Aviso
Conto
Obra teatral

É importante ressaltar que os gêneros textuais são passíveis de modificação, pois devem atender às situações comunicativas do cotidiano. Podemos destacar também que os gêneros atendem a necessidades específicas, que vão desde a elaboração do cardápio do restaurante à elaboração de um e-mail. Novos gêneros podem surgir (ou desaparecer) de acordo com a demanda linguística dos falantes.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Tipos textuais

Os tipos textuais diferem dos gêneros textuais por serem limitados, abrangendo categorias conhecidas como:

Narração

Argumentação

Exposição

Descrição

Injunção (imposição)

O termo Tipologia textual designa uma sequência definida pela natureza linguística de sua composição, ou seja, está relacionado com questões estruturais da língua, determinadas por aspectos lexicais, sintáticos, relações lógicas e tempo verbal.

Apesar dessa tentativa arbitrária de diferenciação entre gêneros e tipos textuais – o tema costuma provocar polêmica até mesmo entre linguistas –, é importante observar que essas duas noções estão intrinsecamente relacionadas. Um texto narrativo (tipo textual) poderá contar com elementos descritivos (gênero textual), e, para classificá-lo, a predominância de um elemento sobre o outro deve ser observada, pois um texto pode ser tipologicamente variado.

Por: Luana Castro Alves Perez

Artigos relacionados

Dissertação

Neste artigo você vai entender melhor a dissertação, um tipo de texto em prosa estruturado por introdução, desenvolvimento e conclusão.

Fábula

Neste artigo você vai conhecer a respeito do gênero textual fábula, uma narrativa curta que apresenta, ao final, a “moral da história”.

Leitura nas férias

Entenda por que a leitura é algo tão importante para a formação do estudante e como você pode aprimorá-la nas férias!

Os 5 erros mais comuns em redações de vestibulares

Dicas de redação: Clique e conheça os 5 erros mais comuns em redações de vestibulares.

Prova de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias do Enem

Clique e saiba como estudar para a prova de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias do Enem.

Tipologia textual

Narração, dissertação, descrição, injunção e exposição: Saiba mais sobre a tipologia textual!

Tipos e gêneros textuais

Amplie seus conhecimentos interagindo-se com as características destes!