Mol e massa molar

Para a contagem do número de objetos microscópicos, como átomos e moléculas, frequentemente usa-se o mol.

1 mol de objetos = 6,023 x 1023 objetos

Do ponto de vista morfológico, a palavra mol está na mesma categoria de palavras como dúzia, dezena, centena, etc. Assim, da mesma maneira que podemos escrever:

1 dúzia de maçãs = 12 maçãs
2 dezenas de maçãs = 20 maçãs

podemos escrever:

1 mol de maçãs = 6,023 x 1023 maçãs
2 mols de maçãs = 12,046 x 1023 maçãs

O número 6,023 x 1023 é conhecido por número de Avogadro e costuma ser representado por NA.

NA = 6,023 x 1023 partículas/mol = 6,023 x 1023 mol-1

Massa molar

A massa molar (M) de um elemento é a massa de 1 mol de átomos desse elemento. A massa molar de um elemento pode ser obtida tomando-se a massa atômica e substituindo-se a unidade u pela unidade grama por mol. Como, por exemplo, o alumínio, cuja massa atômica é aproximadamente igual a 27 u. Assim, a massa molar do alumínio é:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

M = 27 gramas/mol = 27 g/mol

A massa molar de uma substância é a massa de 1 mol de moléculas dessa substância. A massa molar da substância pode ser obtida tomando-se a massa molecular e substituindo-se a unidade u pela grama por mol. Consideremos uma amostra de um elemento, ou substância, contendo n mols de átomo. Sendo M a massa molar do elemento e m a massa da amostra, em gramas, temos:

m = n . M  ou   n = m/M





Aproveite para conferir a nossa videoaula relacionada ao assunto:

Mol e massa molar

Mol e massa molar

Por: Domiciano Correa Marques da Silva

Artigos relacionados

Dicas infalíveis para o cálculo da massa molar

Acabe de uma vez por todas com as suas dificuldades conferindo nossas dicas para cálculo de massa molar!