Importância das florestas

As florestas abrigam grande parte da nossa biodiversidade e desempenham inúmeros papéis biológicos essenciais à vida
As florestas abrigam grande parte da nossa biodiversidade e desempenham inúmeros papéis biológicos essenciais à vida

As florestas cobrem cerca de 31% da área terrestre, armazenam mais de um trilhão de toneladas de carbono e fornecem meios de subsistência para mais de 1,6 milhões de pessoas, segundo o Conselho Econômico e Social da Organização das Nações Unidas (ONU), o ECOSOC. Ainda segundo a ONU, servem de abrigo para aproximadamente 750 milhões de pessoas.

Todos nós temos noção da importância das florestas. Além da sua importância natural, pelo seu valor intrínseco, abrigam grande parte da biodiversidade do planeta, tanto da fauna quanto da flora. Elas concentram, de acordo com a ONU, 75% da água doce do planeta. Contribuem para a integridade dos rios, por fornecerem proteção através das matas ciliares, protegem os solos de erosões, reduzem a saída de nutrientes dos ecossistemas, quando em equilíbrio; entre outros inúmeros aspectos de importância biológica.

As florestas também são de grande importância para o ser humano, não só por garantir os processos biológicos, mas também por trazerem diversos benefícios à sociedade. Dentre esses benefícios podemos citar a melhoria na qualidade de vida, o fornecimento de recursos naturais, tais como recursos madeireiros, plantas medicinais e produtos destinados a nossa alimentação; são fonte de recursos genéticos e locais de pesquisa, turismo e recreação.

O planeta já perdeu muito de sua cobertura vegetal devido à urbanização e à expansão das culturas agrícolas e agropecuárias. As florestas têm sido destruídas através dos desmatamentos e das queimadas, o que já levou muitas espécies da fauna e da flora à extinção e tem ameaçado muitas outras.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A destruição das florestas tem causado grande impacto nas mudanças climáticas do nosso planeta. Como elas são responsáveis pelo armazenamento de grande parte do carbono disponível no ambiente, a sua destruição afeta esse seu papel, contribuindo para o aumento de carbono na atmosfera, na forma de gases, como o dióxido de carbono. Além disso, o desmatamento é responsável por 12 a 20% das emissões globais de gases de efeito estufa que contribuem para o aquecimento global, ainda segundo o ECOSOC.

Para mantermos a integridade das florestas, dos rios, dos ciclos da natureza e a biodiversidade, bem como desacelerarmos o aquecimento global, devemos acabar com as queimadas e os desmatamentos ilegais.

De 2003 a 2013 foi registrada uma queda de 20% nos desmatamentos, de acordo com a ONU. E como forma de preservar as florestas e erradicar os desmatamentos ilegais, a Instituição tem proposto que os países apoiem a sua campanha “Desmatamento Ilegal Zero”, promovendo o plantio de árvores e o controle dos desmatamentos ilegais.

Por: Flávia de Figueiredo Machado

Artigos relacionados

Desmatamento

Entenda as principais causas do desmatamento e conheça algumas das soluções possíveis para o problema. Veja o que essa prática gera para o planeta.

Floresta temperada

Clique aqui e saiba mais sobre as características da floresta temperada.

Floresta tropical

Saiba mais sobre a floresta tropical, bioma que abriga a maior variedade de espécies animais e vegetais de todo o mundo.