Adição de álcool à gasolina

Segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), a legislação brasileira estabeleceu, por meio da publicação da Portaria nº 143 do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que a adição de etanol anidro à gasolina deve ser feita com um porcentual de 25%, sendo que a margem de erro é de 1% para mais ou para menos.

Mas por que se adiciona álcool à gasolina? Quais são as vantagens? Há alguma desvantagem? E por que a proporção deve ser esta que foi estabelecida?

Bom, o etanol anidro ou absoluto, que é praticamente isento de água (quase 100% etanol), é acrescentado à gasolina por apresentar duas vantagens principais:

1- Aumenta o índice de octanagem da gasolina:

Conforme explicado no texto Índice de Octanagem da Gasolina, esse índice é a medida de resistência à compressão sofrida pela gasolina no motor de explosão interna do automóvel. Quanto maior a resistência, melhor, porque a gasolina entrará em combustão no momento correto, e não antes, enquanto ainda é comprimida.

O poder calorífico do álcool é menor que o da gasolina. Enquanto a gasolina isenta de álcool produz 46 900 J/g, o etanol combustível produz 27 200 J/g. Assim, o álcool é mais fácil de evaporar e funciona como um antidetonante, aumentando o índice de octanagem da gasolina.

2- Diminui a emissão de monóxido de carbono para a atmosfera:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A queima incompleta da gasolina produz monóxido de carbono, um gás-estufa que aumenta o problema do aquecimento global. Com a adição de etanol, essa poluição diminui.

A adição de etanol anidro à gasolina diminui a poluição do ar com gases-estufa

O percentual indicado de cerca de 25% foi criado justamente para poder diminuir os poluentes e também melhorar a limpeza interna do motor. Em tese, essa porcentagem é a que fornece o melhor custo-benefício, tornando importante que se mantenha a adição nessa faixa. A falta ou excesso de álcool em relação aos limites estabelecidos pela ANP compromete a qualidade do produto que chega aos consumidores.

No entanto, existem sim algumas desvantagens da adição de etanol anidro à gasolina, são elas:

1- Aumento do consumo do combustível, pois, conforme já dito, o poder calorífico do etanol é menor que o da gasolina;

2- Aumento da produção de óxidos de nitrogênio (NOx), entre os quais o principal é o dióxido de nitrogênio (NO2). Ele reage com a água formando o ácido nitroso (HNO2) e o ácido nítrico (HNO3):

NO2(g) + H2O(l)→ HNO2(aq) + HNO3(aq)

Um teste simples costuma ser feito para verificar se o teor de álcool na gasolina está dentro dos padrões estabelecidos por lei. Para saber como você pode realizá-lo, leia o texto abaixo:

A adição de etanol na gasolina aumenta o seu índice de octanagem

A adição de etanol na gasolina aumenta o seu índice de octanagem

Por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça

Artigos relacionados

Adulteração da Gasolina

Conheça as principais formas de adulteração da gasolina, as consequências para o seu veículo e que análises podem ser feitas para descobri-las.

Bebidas alcoólicas

Conheça as diferenças entre os diversos tipos de bebidas alcoólicas e os seus processos de fabricação.

Diferenças entre Gasolinas Comum, Aditivada e Premium

Não fique mais com dúvida na hora de escolher o tipo de gasolina melhor para o seu carro, descubra quais são as diferenças entre as gasolina comum, aditivada e premium.

Gasolina

A gasolina é um dos principais produtos do petróleo e seu rendimento pode ser aumentado por um processo chamado cracking.

O Biocombustível é mesmo um Combustível Limpo?

Compreenda por que é um mito dizer que o biocombustível é um combustível limpo.

O que é um Biocombustível?

Veja o que é um biocombustível, qual a sua importância na atual condição mundial e quais são os principais biocombustíveis produzidos e utilizados no Brasil e no mundo.

Produção de Etanol no Brasil

Conheça os principais fatores históricos e geográficos relativos à produção de etanol no Brasil como álcool combustível.

Qual gasolina polui mais?

Qual gasolina polui menos o meio ambiente, a gasolina comum, a aditivada ou a premium? Descubra a resposta lendo esse texto.

Teor de álcool na gasolina

Descubra qual é o teor de álcool na gasolina permitido pela legislação brasileira, como se determina esse teor experimentalmente e por que ocorre essa adição.

Álcool

Conheça a composição química do álcool, seu efeito sobre o organismo, por que ele é considerado uma droga e as tristes consequências do alcoolismo.

Álcool combustível ou etanol

Veja a constituição química do etanol combustível, suas formas de produção, de obtenção, o projeto do Proálcool que ocorreu no Brasil e os benefícios de seu uso.

Índice de Octanagem da Gasolina

Saiba o que quer dizer o índice de octanagem de uma gasolina, a importância da escolha da gasolina baseada nesse índice e as consequências de seu uso para o carro.