Campo magnético terrestre

Graças ao campo magnético terrestre, diversas partículas emitidas pelo Sol não chegam até nós
Graças ao campo magnético terrestre, diversas partículas emitidas pelo Sol não chegam até nós

A primeira descrição científica do campo magnético da Terra foi a de Wiliam Gilbert, em 1600, que demonstrou que, com o auxílio da terrella, um ímã em forma de esfera, a Terra se comporta como um imenso ímã. Podemos afirmar que essa é, ainda hoje, a forma mais básica e simples de descrever o magnetismo terrestre.

O fato de um ímã orientar-se, quando suspenso pelo seu centro de gravidade, na direção do vetor indução magnética, revela que existe um campo magnético produzido pela Terra: é o campo magnético terrestre. A cada ponto do campo magnético terrestre associa-se um vetor indução magnética B.

O ímã suspenso orienta-se na direção do vetor indução magnética B do lugar. Como o polo norte do ímã volta-se, aproximadamente, para o norte geográfico; e o polo sul, para o sul geográfico; podemos considerar a Terra um grande ímã, que possui polo sul magnético próximo do norte geográfico e o polo norte magnético próximo do sul geográfico.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Linhas de indução do campo magnético da Terra

Na figura acima, mostramos as linhas de indução do campo magnético observado nas proximidades da Terra. Podemos dizer que a origem do campo magnético terrestre ainda é desconhecida, mas as primeiras explicações sugeriam que ele se originava em razão de enormes quantidades de ferro magnetizado que estariam no interior do planeta.

Se pensarmos bem, essa hipótese não tem sustentação, já que a temperatura no interior da Terra é tão alta que o ferro ali existente está liquefeito. Hoje a hipótese mais defendida admite que o campo magnético terrestre se origina de intensas correntes elétricas que circulam no interior da Terra. Mas, mesmo assim, ainda há muito a ser explicado, como a origem da energia que gera essas correntes e o contínuo deslocamento dos polos magnéticos no decorrer do tempo.

Por: Domiciano Correa Marques da Silva

Artigos relacionados

Auroras polares

Conheça o fenômeno das auroras polares.

Bússola

Saiba como é possível se orientar por meio de uma bússola.

Campo magnético

Descubra o que é o campo magnético. Veja também como representar um campo e como calcular sua intensidade em diferentes situações.

Eletroímãs

Clique aqui para compreender como são gerados os campos magnéticos de um eletroímã e saiba como construir seu próprio eletroímã!

Magnetismo

Clique aqui e entenda em que consiste o estudo do magnetismo!

Ímãs

Saiba mais sobre os ímãs, como eles podem ser classificados e quais são as suas propriedades.